Em Naque, comerciante é baleado no braço

Vítima se atracou com seu agressor e conseguiu lhe tomar o revólver usado no crime

Google

Atualizada às 14:33
Um comerciante de 38 anos foi vítima de tentativa de homicídio na tarde de quarta-feira (21), na praça Teodósio Monteiro, na área central de Naque. Geraldo Divino de Paula Gomes foi alvo de tiros, um deles o atingiu no braço esquerdo. O acusado pela vítima de ser o autor do crime é J.H.M., de 48 anos, que está foragido.

Por motivos não esclarecidos aos policiais militares responsáveis pela ocorrência, Geraldo estava jogando sinuca no bar do Tatá quando entrou J.H., que chegou já partindo para a agressão contra o comerciante. Os dois entraram em luta corporal, momento em que o suspeito sacou um revólver.

Ele disparou a arma na direção do proprietário do bar que, mesmo ferido, conseguiu tomar o revólver de J.H., que saiu correndo do estabelecimento. Alguns populares chegaram a segurar o acusado do atentado, mas ele conseguiu se desvencilhar e correu para a BR-381 e ainda não foi localizado pela Polícia Militar.

O comerciante também saiu do bar, se escondendo até a chegada da Polícia Militar. A arma do autor, um revólver calibre 32 com seis cartuchos, sendo quatro deflagrados e dois intactos, foi apreendida pelos policiais militares responsáveis pelo atendimento da ocorrência.

O ferido foi socorrido e encaminhado para o Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, onde ficou em observação médica devido ao ferimento no braço esquerdo. As equipes da PM realizaram várias buscas, mas sem sucesso na prisão do suspeito. A motivação do crime cometido por J.H. não foi informada pela polícia.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO