Jovem é morto por dupla na avenida Macapá

Vítima estava em companhia da namorada e foi atingida com tiros na cabeça por autores em uma motocicleta

Arquivo/Diário do Aço


O local onde ocorreu o atentado na madrugada deste sábado
Atualizada às 17h21 19/08
Um jovem de 19 anos foi alvo de um atentado a tiros na madrugada de sábado (17) na avenida Macapá, no bairro Veneza I, em Ipatinga. Davi Silva Verly foi atingido com tiros na cabeça e nas costas disparados por autores que se encontravam em uma motocicleta. O atentado ocorreu em um estabelecimento comercial, conforme registro da Polícia Militar. O jovem não resistiu aos ferimentos e faleceu nesta segunda-feira (19).

De acordo com a namorada da vítima, em relatos para a Polícia Militar, eles se encontravam nas proximidades do Sambanejo por volta das 4h30, momento que se aproximaram dois ocupantes em uma motocicleta. Por motivos desconhecidos, os criminosos dispararam tiros de arma de fogo. Davi foi atingido e caiu no chão gravemente ferido na região da cabeça.

Os autores fugiram em alta velocidade na motocicleta, sem serem localizados pela Polícia Militar que registrou a ocorrência do crime de tentativa de homicídio. O local foi isolado para o trabalho da perícia realizada pela Polícia Civil. Nas proximidades há câmeras de segurança, cujas imagens poderão ajudar no trabalho dos policiais.

Enquanto os policiais tentavam pistas dos criminosos, uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar socorreu o jovem ferido encaminhando-o ao Hospital Márcio Cunha. Os médicos constataram que Davi Silva foi atingido com dois tiros na cabeça e um nas costas. O jovem deu entrada no hospital em estado grave. Ele não resistiu e morreu nesta segunda-feira, como confirmou a assessoria do HMC.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO