Cresce o número de vagas para estágios em Ipatinga

Os dados do CIE também apontam que o setor com mais vagas para estágio é o administrativo

Wôlmer Ezequiel


No primeiro semestre desse ano, houve uma média de 180 estudantes que foram contratados para preencherem vagas de estágio

A Lei n° 11.788, também conhecida como Lei do Estágio, foi sancionada em 2008 com o objetivo de inserir normas para as práticas de estágio, que funciona como uma porta de entrada dos estudantes para o mercado de trabalho. Para homenagear o profissional que trabalha nesse tipo de atividade, é celebrado no domingo (18) o Dia do Estagiário.

Conforme os dados do Centro de Integração Empresa-Escola de Minas Gerais (CIEE), em Ipatinga, no primeiro semestre desse ano houve uma média de 180 estudantes que foram contratados para preencherem vagas de estágio, tendo um aumento de 15% em relação ao mesmo período do ano passado.

Os dados do CIE também apontam que o setor com mais vagas para estágio é o administrativo, no qual é possível encaminhar um número maior de estudantes que estão cursando o ensino médio, cursos técnico e superior em Administração, porém os demais cursos também são trabalhados e os estudantes vão sendo encaminhados de acordo com a demanda recebida.

No Brasil
No âmbito nacional, o número de aprendizes encaminhados pelo CIEE às empresas cresceu 13,6% no primeiro semestre deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado. O total de aprendizes somou 247.679 de janeiro a junho, de acordo com o Boletim Estatístico do CIEE. Em relação aos estagiários, o total foi 868.468 pessoas encaminhadas, com crescimento de 3,8%.

Nos primeiros seis meses deste ano, de acordo com a pesquisa, 68,8% dos aprendizes eram jovens já formados no ensino médio, enquanto 26% ainda estavam cursando o ensino médio. O estudo revelou também que 4,6% dos aprendizes estavam no ensino fundamental. Quanto aos estagiários, 77,4% são do ensino superior, 18,9% do ensino médio e 3,3% do ensino técnico.

Vagas
A pesquisa apontou que houve alta de 6,6% no número de vagas abertas, passando de 203.062 vagas no primeiro semestre de 2018 para 216.462 no mesmo período deste ano. Já as contratações aumentaram 3%, subindo de 176.028 contratos fechados nos primeiros seis meses de 2018 para 181.248 até junho deste ano.

O estudo mostrou que estudantes do sexo feminino são maioria no mercado, respondendo por 65% das vagas ocupadas de estágio e 52,7% das vagas de aprendiz.

Os cursos com maior número de estagiários no país são direito, pedagogia, administração, ciências contábeis, engenharia civil, tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas, psicologia, educação física, ciência da computação e arquitetura e urbanismo, nessa ordem.

Regulamentações
A atual “Lei do Estágio”, em vigor desde 2008, define os parâmetros que regulamentam as contratações de estagiários, dentre eles estão carga horária máxima limitada a seis horas/dia, sendo trinta horas semanais; Direito ao recesso remunerado (férias) de trinta dias a cada doze meses de estágio na mesma empresa ou, o proporcional ao período estagiado se menos de um ano, sem abono de férias; A legislação do estágio não contempla o 13º salário; A rescisão antecipada do contrato de estágio, independentemente da iniciativa, preserva o direito do estagiário quanto ao recesso remunerado; O tempo máximo de estágio na mesma empresa é de dois anos, exceto quando tratar-se de estagiário portador de deficiência; Diferentemente da CLT, a legislação do estágio não estabelece um piso mínimo para a bolsa estágio, o valor da remuneração é definido de comum acordo entre as partes pactuantes no Contrato de Estágio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO