Cruzeiro encara o líder do Brasileirão

Para o Cruzeiro sair da zona da degola, Rogério Ceni aposta em uma equipe mais ofensiva

Bruno Haddad


Para vencer o Santos e se livrar do Z4, equipe deve ser mais ofensiva neste domingo

Na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro com apenas 11 pontos conquistados e 11 gols marcados, o Cruzeiro enfrenta nesta 15ª rodada o Santos, líder da competição com 32 pontos e 25 gols marcados. Além desses números, o Peixe também é recordista em finalizações e média de posse de bola. A partida deste domingo, às 16h, no Mineirão, vai marcar a estreia de Rogério Ceni no comando celeste, o profissional terá como grande desafio desbancar o líder.

Para o Cruzeiro sair da zona da degola, Rogério Ceni aposta em uma equipe mais ofensiva. Segundo o volante Ariel Cabral, o novo treinador espera um time rápido na transição ofensiva. “É diferente do que estávamos fazendo. Ele já falou que vai ser desse jeito. Acho que nessa semana deu para perceber o trabalho dele. Tomara que peguemos rápido o jeito e a ideia do treinador para, no domingo, fazer o que ele tem como ideia”, disse o jogador.

Apesar do curto período de preparação até o duelo contra o Santos, o camisa 5 já vê sinais de melhora. “Claro que o tempo é muito curto, mas estamos trabalhando para fazer o melhor jogo, pois precisamos da vitória. Acho que alguma mudança vai acontecer no domingo”.

Ceni fez mistério quanto ao time titular, mas o Cruzeiro deve entrar em campo com: Fábio; Orejuela, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Ariel Cabral; Robinho (Marquinhos Gabriel), Thiago Neves e Pedro Rocha; Sassá (Fred).
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO