Enade: prazo para alterar informações vai até 30 de agosto

Procedimento deve ser realizado no Sistema Enade

Divulgação


Sem a retificação de um dado que estiver errado, o aluno e a instituição não poderão participar do Exame

O prazo para as instituições de ensino superior corrigirem informações de estudantes e de cursos para a realização do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) 2019 vai até 30 de agosto. As alterações devem ser realizadas exclusivamente pelo Sistema Enade. Sem a retificação de um dado que estiver errado, o aluno e a instituição não poderão participar do Exame.

O Enade serve como pré-requisito para conclusão do curso, colação de grau e obtenção do diploma, além de, avaliar os conhecimentos adquiridos ao longo do curso em relação aos conteúdos previstos nas diretrizes da graduação. O instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação do teste, divulgou que a prova está marcada para acontecer no dia 24 de novembro.

Este ano, serão avaliados os estudantes dos cursos vinculados às áreas de Ciências Agrárias, Ciências da Saúde e áreas afins; Engenharias e Arquitetura e Urbanismo; e grau de tecnólogo nos cursos superiores de tecnologia nas áreas de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e segurança. O exame é obrigatório e a situação de regularidade do estudante no Exame deve constar em seu histórico escolar.

(Fonte: Bárbara Maria – Agência Educa Mais Brasil)
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO