Reabertura do Hospital Municipal de Belo Oriente é tema de reunião

O objetivo do encontro foi discutir os últimos detalhes para a reabertura do Hospital Municipal de Belo Oriente

Divulgação


Prefeito e secretário de saúde do município se reuniram com o Superintendente Regional de Saúde

O prefeito de Belo Oriente, Hamilton Rômulo, acompanhado do secretário municipal de Saúde, Ranieri Prado e dos diretores da Associação Hospitalar São Vicente de Paulo, esteve reunido com o Superintendente Regional de Saúde (SRS), Ernany de Oliveira. O objetivo do encontro foi discutir os últimos detalhes para a reabertura do Hospital Municipal de Belo Oriente.

O encontro ocorreu na Superintendência Regional de Saúde, em Coronel Fabriciano, na segunda-feira (5). Entre os pontos discutidos estava a vistoria e liberação da Vigilância Sanitária das dependências do Hospital Municipal Jaques Gonçalves Pereira.

Conforme a administração municipal, a liberação da Vigilância é uma das últimas etapas para a reabertura da unidade hospitalar, que neste momento está na fase final de contratação de funcionários e do corpo clínico, e de implantações de protocolos e comissões que são necessárias para abertura.

Durante a reunião também foi tratada sobre possíveis parcerias e convênios para a busca de recursos para a manutenção e custeio do Hospital Municipal. Com a reabertura, a previsão é que diminua o déficit de leitos na região.
Segundo o prefeito, o governo tem trabalhado firme para que o hospital seja reaberto o mais breve possível. “Estamos trabalhando desde o início da gestão para que o nosso Hospital Municipal seja reaberto, buscando recursos para custeio e manutenção, para que ele não corra nenhum risco. Também já foram investidos mais de meio milhão de reais só em equipamento, e agora só faltam estes pequenos detalhes para a sua reabertura. O nosso hospital já é uma realidade”, afirmou Hamilton.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO