Nathalie Moellhausen conquista medalha inédita da esgrima para o Brasil

A esgrimista italiana, naturalizada brasileira, venceu a chinesa Sheng Lin, por 13 /12, no Golden Score

Reprodução Instagram


Esgrimista brasileira venceu a chinesa Sheng Lin nesta quinta-feira

Nesta quinta-feira, Nathalie Moellhausen conquistou a medalha de ouro no Individual de Espada Feminina para o Brasil, no Mundial de Esgrima da Hungria. Esta medalha é inédita para o País. A esgrimista italiana, naturalizada brasileira, venceu a chinesa Sheng Lin, por 13 /12, no Golden Score.

O próximo desafio de Nathalie agora serão os Jogos Pan-Americanos de Lima. A atleta já conquistou medalhas de bronze no individual e por equipes, em 2015, durante os Jogos de Toronto.

Nathalie começou a competir pelo Brasil depois dos Jogos de Londres, em 2012. Na Rio 2016, ela chegou às quartas e terminou entre as oito melhores da competição.

Pela Itália, ela já tinha conquistado uma medalha de ouro por equipes, durante o Mundial da Turquia, em 2009, além das medalhas de bronze nos Mundiais da França, em 2010, no individual, e Itália, em 2011, por equipes.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO