Irmãos presos por tráfico de entorpecentes

Apreensão da droga ocorreu durante a verificação de um Disque Denúncia Unificado (DDU) no 181

Divulgação Polícia Militar


As pedras de crack foram apreendidas dentro de uma bolsa encontrada na sala da casa do denunciado
Atualizada às 15:37
Dois irmãos, um de 30 e outro de 43 anos, foram presos por envolvimento com drogas ilícitas na rua Carlos Gomes, no bairro Cidade Nova, em Santana do Paraíso. A prisão deles ocorreu depois de denúncias anônimas feitas ao telefone 181 (Disque Denúncia Unificado-DDU) e situação verificada na noite de terça-feira (9). Mais de 100 pedras de crack foram apreendidas pela Polícia Militar.

Em patrulhamento pelo bairro Cidade Nova, os policiais militares receberam denúncias contra A.P.F., de 30 anos. Ele estaria envolvido com o tráfico de entorpecentes, conforme o teor do DDU. Os PMs mantiveram contato com o denunciado informando-lhe sobre a situação, quando foi autorizada a entrada dos militares na residência, onde foram feitas buscas acompanhadas por C.P., de 43 anos, irmão do denunciado.

Uma bolsa azul foi encontrada pendurada na janela da sala e ao se verificar o seu conteúdo. Em seu interior encontrado um pacote contendo 104 pedras de crack e uma pedra grande da mesma droga. Com a descoberta, nem A. e nem C. assumiu a posse do entorpecente localizado pelos PMs.

Eles se defenderam, mas suas versões estariam contraditórias e ainda tentaram alegar que a droga poderia ter sido deixada por um adolescente, minutos antes da chegada dos policiais militares. O material apreendido pelos militares e os dois irmãos foram encaminhados para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Dione 10 de Julho, 2019 | 17:59
Ferro nesses vagabundos, vivem destruindo famílias e querem dar uma de santo!!! Parabéns a PMMG, MAIS uma vez tentando limpar esses esgoto da nossa cidade

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO