Timóteo inicia licitação para Plano Diretor Participativo

Conforme o governo, quatro empresas apresentaram propostas

Divulgação


Quatro empresas apresentaram propostas e, após a análise de documentação, elas foram habilitadas para continuar na disputa

Depois de cinco anos de atraso, a atual administração de Timóteo retomou os trabalhos de revisão da legislação urbanística, atendendo demandas sociais e judiciais acumuladas. Por meio da comissão de licitações, a gestão municipal abriu na tarde de quinta-feira (13) o processo de tomada de preços nº007/2019 para a contratação de empresa para a elaboração do Plano Diretor Participativo do município.

Conforme o governo, quatro empresas apresentaram propostas. Após a análise de documentação, as empresas foram habilitadas para continuar na disputa. Depois dessa fase, o processo foi suspenso sine die (sem dia designado), para que a comissão técnica de avaliação analise as propostas concorrentes.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO