Seleção feminina estreia hoje na Copa

Dois dias antes da estreia, a zagueira Érica voltou a sentir dores na perna esquerda e foi desconvocada

CBF/Divulgação


Érika teve uma lesão do músculo sóleo e não poderá disputar o mundial

A Seleção Brasileira feminina estreia hoje, às 10h30, na Copa do Mundo Feminina, contra a Jamaica, em Grenoble, na França. Depois, o Brasil vai para Montpellier encarar a Austrália no dia 13 e fecha a fase de grupos contra a Itália, em Valenciennes, no dia 18 de junho.

Dois dias antes da estreia, a zagueira Érica voltou a sentir dores na perna esquerda e foi desconvocada. Após ser examinada, foi diagnosticada uma lesão do músculo sóleo, mas como não havia tempo hábil para atleta se recuperar a tempo para disputar a Copa do Mundo de Futebol Feminino, ela foi cortada. Para o seu lugar, o técnico Vadão convocou a zagueira Daiane, do Paris Saint-Germain, para a disputa do Mundial.

Em comunicado no site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a comissão técnica da seleção informou que lamenta a lesão de Érika e reconhece seu empenho e esforço para defender a camisa do Brasil.

Copa
A França é a sede da 8ª Copa do Mundo de Futebol Feminino. A competição teve início na sexta-feira (7) com o jogo de abertura entre França e Coreia do Sul, no Parc des Princes. A final ocorrerá no dia 7 de julho, às 17h, no Estádio de Lyon. Ao todo 24 equipes estão divididas em seis grupos: Grupo A – França, Coréia do Sul, Noruega e Nigéria Grupo. B – Alemanha, China, Espanha e África do Sul. Grupo C – Austrália, Itália, Brasil e Jamaica. Grupo D – Inglaterra, Escócia, Argentina e Japão. Grupo E – Canadá, Camarões, Nova Zelândia e Holanda. Grupo F – Estados Unidos, Tailândia, Chile e Suécia.

Brasil
A seleção canarinho ocupa a 10ª posição no ranking da Fifa. Participou de todas as edições da Copa do Mundo. O melhor resultado foi o vice-campeonato em 2007. A seleção é campeã da Copa América 2018. A conquista levou a equipe à Copa da França. O treinador é Vadão. Ele já comandou a seleção feminina na Copa do Canadá (2015), venceu o Pan-Americano (2015), ficou em 4º lugar nas Olimpíadas 2016 e venceu a última Copa América. Dentro de campo, além de Marta (eleita a melhor jogadora do mundo seis vezes e a maior artilheira da história do Mundial), o Brasil também conta com Formiga (a única jogadora que participou de todas as Copas do Mundo).

Já publicado

Copa do Mundo: França enfrenta Coreia do Sul no jogo de abertura
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO