Homem brutalmente agredido é identificado no Márcio Cunha

Vítima com traumatismo craniano foi encontrada no distrito de Cachoeira do Vale, socorrida por Bombeiros, passou pela UPA e chegou ao HMC

Com atualização de dados às 17h de 18/4
O homem que estava internado no Hospital Márcio Cunha, em Ipatinga, sem documentos e contato com a família foi identificado nesse sábado por familiares. Os parentes da vítima procuram o serviço de assistência social e confirmaram a identidade, como sendo João Carlos da Silva. A confirmação oficial e a idade, entretanto, ainda dependem da apresentação de documentos.

Conforme a assessoria do HCM, na segunda-feira (15) o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) encaminhou o paciente, vítima de agressão física, com traumatismo craniano para atendimento médico no Hospital Márcio Cunha (HMC).

O homem foi transferido da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Ipatinga, dado o seu estrado grave. Conforme o relatório, o homem foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros depois de ter sido encontrado caído em uma rua, no distrito de Cachoeira do Vale, em Timóteo.

O paciente encontra-se internado no HMC sem identificação desde segunda-feira, quando começou uma busca por pessoas que conhecessem o homem que aparenta ter aproximadamente 35 anos.

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Palhaço 22 de Abril, 2019 | 16:39
Paulo, eu aposto que eles não fazem o repasse para a cidade de Ipatinga não, aposto!!
Jussara 20 de Abril, 2019 | 13:50
Parabenizo a equipe do HMC que teve a ideia de publicar nas redes sociais ,pedido de ajuda para encontrar os familiares do rapaz. Se estive feito isso com meu irmão, eu teria exercido o direito de cuidar,despedir e sepulta-lo. Há 07 meses estou na justiça para ter o direito do translado para o meu município. Coloco me á disposição para ajudar os familiares do rapaz, da reportagem ,caso ele necessite de algo que eu possa ajudar,conte comigo.Desejo melhoras ao paciente que ele saia do coma e possa seguir a vida junto com seus familiares.
Lerildo Jadir Ribeiro 19 de Abril, 2019 | 22:29
Aí turminha o brasil tá falido tá vendo não
Rafaella 19 de Abril, 2019 | 09:24
Deveriam leitores ajudar encontrar os familiares do paciente ou ir ao hospital para saberem se a pessoa está precisando de algo e não ficarem discutindo opinião de vocês.Independente de quem seja, é um ser humano e deve ter alguém .Discutirem quem o HMC deve atender resolve o problema do paciente? NÃO.
Adilson Oliveira de Souza 19 de Abril, 2019 | 07:53
Vai piorar porque os hospitais de Caratinga e região não estão atendendo pelo sus ,vai vir tudo pro Hmc,aí vai ver o caos .
Paulo 18 de Abril, 2019 | 17:53
Resposta ao Ao Rogério e ao P2... vcs nem leram a matéria direito, têm dificuldade em interpretar o texto e também meu comentário. Pq Timóteo e Fabriciano não tem UPA? A reportagem FALA CLARAMENTE que ele foi pra UPA de Ipatinga e DEPOIS ao HMC, entendo perfeitamente casos complexo tem que ir ao HMC mesmo, o que me espanta é a incompetência dos outros municípios em não ter uma UPA FUNCIONANDO!!! O HMC é particular, atende alguns casos pelo SUS... Os outros municípios deveriam cuidar das saúde de seus munícipes e não sobrecarregar os outros...
Maria 18 de Abril, 2019 | 07:33
O fato do hospital estar localizado na cidade de Ipatinga, não quer dizer que ele só possa atender exclusivamente moradores de Ipatinga, até porque quem mantém o hospital são os conveniados de plano de saúde e a verba do SUS para alguns casos, como esse citado na reportagem.
Entenda uma coisa: SÓ SE TEM PRIORIDADES NO HMC, SE VOCÊ TIVER PLANO DE SAÚDE... SIMPLES ASSIM.
Rogerio 17 de Abril, 2019 | 16:44
Esse Paulo é um analfabeto. Sera que não sabe que caso de mais complexidade tem que levar para o Márcio cunha.Me ajuda ai. Vai estudar mais um pouco para adquirir conhecimento.
P2 17 de Abril, 2019 | 16:23
Paulo...
Mas tu é chato hein...cheio de MIMIMI. Se fosse seu pai ou seu irmão ou seu filho vc estaria aqui falando M***? Se é que vc tem algum sentimento por eles né... Deixa eles pelo menos tentarem salvar o cara primeiro e depois vc vai na porta da prefeitura fazer seu protesto. Pq por aqui vc não vai conseguir nada ... Toma tenência mano.
Paulo 17 de Abril, 2019 | 10:54
Interessante, o indivíduo está em Timóteo e é trazido pra UPA de Ipatinga e depois para o HMC. Gostaria de uma explicação do pq sobrecarregam tanto o atendimento medico aqui da cidade de Ipatinga?! Outros prefeitos tinham que "dar seus pulos" para dar atendimento aos seus munícipes. Será que há repasse estadual e até mesmo de outros municípios para a prefeitura de Ipatinga? A coisa está cada dia pior... os moradores daqui que pagam seus impostos aqui ficam prejudicados. Gostaria de uma explicação sobre se há ou não repasses de verbas para Ipatinga!

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO