Conheça 7 cuidados que podem influenciar na valorização de um imóvel

O mercado de venda e locação de imóveis se tornou um investimento para muitas pessoas

Reprodução


É claro que a localização não é o único ponto a ser levado em consideração

Na hora de construir um imóvel, um dos pontos que mais é levado em consideração é o quanto ele pode se valorizar ao longo do tempo, já que o mercado de venda e locação de imóveis se tornou um investimento para muitas pessoas. Mas para que esse processo realmente aconteça, é preciso levar em conta diversos aspectos e que vão muito além da localização.

"São muitas características que podem influenciar diretamente no valor de um imóvel e tudo vai depender de qual é a finalidade destinada a ele e também do tipo de público que esse imóvel será destinado, sendo assim cada um terá as suas particularidades que irão contribuir positivamente para uma maior valorização", explica o Diretor Geral do Grupo Realibras/Conspar, Eufrásio Humberto Domingues.

Domingues afirma ainda que, muitas vezes, o acabamento de um imóvel pode ser mais importante para um locatário, por exemplo, do que a própria localização. "Há várias questões relativas nesse contexto, mas o mais importante é buscar informações que construam um perfil desse imóvel para atingir clientes com aspectos correspondentes e assim conseguir um resultado satisfatório de valorização na hora de alugar ou vender".

Eufrásio Humberto Domingues lista abaixo 7 pontos que podem influenciar na valorização de um imóvel:

1 – Bairro

Conforme dito acima, é claro que a localização não é o único ponto a ser levado em consideração, mas ainda assim é fundamental para que um imóvel seja mais valorizado. Portanto, imóveis mais afastados dos centros geralmente costumam valer menos, enquanto os mais próximos de comércios e avenidas principais, valem mais. Porém é preciso se atentar aos pontos positivos e negativos de cada um deles.

Um imóvel mais afastado pode ter menos opções, mas ganha na tranquilidade, já um que é próximo do centro tem a comodidade de muitos serviços, mas pode se desvalorizar por conta do barulho de carros ou bares ou até mesmo do trânsito nas imediações.

2 – Móveis e armários embutidos

Outro ponto que também depende da finalidade do imóvel são os armários e móveis embutidos. Caso ele seja destinado à locação, este pode ser um ponto de grande valorização, já que existe a comodidade do locatário não ter todo o trabalho de levar os seus móveis ou comprar novos. Inclusive, tem sido uma tendência e oportunidade alugar imóveis já mobiliados.

Por outro lado, se a finalidade desse imóvel for a venda, os móveis e armários embutidos podem causar o efeito contrário, já que a maioria das pessoas que buscam comprar um imóvel querem dar um toque pessoal ao lugar, uma vez que irá ficarão nesse local por mais tempo.

3 - Planta

Alterações no projeto e planta original de um imóvel podem levar à desvalorização, principalmente no caso de um que será colocado à venda, uma vez que as possibilidades de novas mudanças se tornam mais restritas. Por outro lado, esse ponto não tem muita influência em imóveis destinados à locação.

4 – Documentação

Independente da finalidade e perfil de comprador ou locatário do imóvel, a documentação sempre deve ser olhada com atenção. É importante que ela esteja regularizada, já que quaisquer pendências nesse caso costumam gerar muita burocracia e custos, o que faz com que muitos desistam do negócio, principalmente se for no caso de compra.

5 – Segurança

Sem dúvida, imóveis localizados em áreas e até mesmo cidades com altos índices de criminalidade, com casos recentes de roubos e assaltos, tendem a serem desvalorizados. Atualmente é muito mais fácil ter acesso a esse tipo de informações, portanto fique atento para escolher um local seguro.

6 – Opções de transporte

Novamente o perfil do comprador ou locatário irá determinar a valorização ou desvalorização do imóvel quando a questão é o transporte público, isso porque o acesso a estações de trem e metrô ou corredores de ônibus, por exemplo, tende a ser um ponto mais valorizado por pessoas de média e baixa renda. Por outro lado, nem sempre essa proximidade é tão benéfica por conta de aspectos como trânsito, circulação enorme de pessoas e barulho por períodos mais longos. Mesmo assim, imóveis localizados no entorno são mais valorizados.

7 – Vista

A vista de um imóvel pode fazer com que ele seja valorizado ou não, principalmente no caso de apartamentos, mesmo aqueles que estão no mesmo empreendimento. A vista e a iluminação natural que entra nos cômodos é um fator levado em consideração. Um apartamento com as janelas voltadas ao prédio vizinho, por exemplo, onde a luz natural é bloqueada, certamente irá valer menos do que os que não têm.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO