Dupla do ''golpe do troco'' presa em Ipatinga

Policiais militares prenderam dois homens depois que fizeram vítimas em dois estabelecimentos comerciais

Divulgação Polícia Militar


Os materiais apreendidos com os dois suspeitos pelos crimes praticados na tarde desta sexta-feira

A ação de dois homens no comércio nos bairros Canaã e Canaãzinho resultou na prisão deles por estelionato. Eles aplicaram o conhecido ''golpe do troco'' em uma drogaria e em um depósito de material de construção. Os policiais conseguiram apreender objetos e dinheiro levados após as vítimas serem enganadas na tarde desta sexta-feira (12).

A Polícia Militar foi informada pelo proprietário de um depósito, na avenida Galiléia, no Canaãzinho, que R.M.C., de 48 anos, chegou ao local e fez várias perguntas dos preços dos objetos. No final das perguntas, ele comprou uma caixinha de massa epóxi e pagou com uma cédula de R$ 100.

Ele recebeu o troco de R$ 96,50, enquanto o segundo autor, E.P.S., de 33 anos, fez outras perguntas e comprou um lápis de carpinteiro pagando com uma cédula de R$ 50. O comparsa dele entrou no meio alegando que tinha dinheiro trocado e que era para devolver a cédula de R$ 100.

A vítima ficou confusa e recebeu os R$ 3,50 ou seja, o estelionatário ficou com a quantia de R$ 93 que recebeu antes. O R. saiu do local, somente depois é que a vítima descobriu o golpe e perguntou ao E. se ele conhecia o suspeito. O envolvido negou saber quem era e também saiu do depósito.

A Polícia Militar foi acionada pela vítima ao sair no encalço dos dois homens suspeitos, sendo localizados na avenida Colatina, no bairro Caravelas. Em poder deles, apreendidos os objetos adquiridos e o dinheiro levado no golpe do troco. Neste momento, a PM foi informada que eles são os mesmos autores que agiram na drogaria, na avenida Selim José de Sales, no bairro Canaã.

A descoberta do primeiro caso praticado pelos dois presos ocorreu após a vítima do depósito colocar em grupo de WhatsApp alertar sobre o ocorrido. A funcionária da drogaria viu que havia sido lesada por R.M. que pagou uma compra de paracetamol e goma de mascar com uma cédula de R$100.

E.P. ficou ao lado na fila de atendimento e colocou uma cédula de R$ 50 sobre o balcão para pagar a compra de um creme dental. R.M. pegou a cédula e mandou que a vítima trocasse em cédula de R$ 100 aproveitando que havia outra nota de R$ 50 sobre o teclado do caixa.

A funcionária se confundiu com a outra cédula na mão do golpista e entregou os R$ 100, sendo lesada em R$ 50, fato confirmado ao fazer a conferência no caixa da drogaria. Os dois acusados pelos golpes foram encaminhados para a delegacia de Ipatinga com o material apreendido com a dupla.

Comentários

Sabonete 15 de Abril, 2019 | 12:02
CADÊ A FOTO MOSTRANDO A CARA DA DUPLA DE VIGARISTAS.????......JÁ JÁ ESTARÃO NAS RUAS...DANDO O MESMO GOLPE....POIS É A ÚNICA COISA QUE SABEM FAZER NA VIDA....
Barrabas 13 de Abril, 2019 | 10:57
Todos querem se da bem com golpe nao sei onde vamos parar.ate muitos veriadores dando golpe incluisevi eles estao renunciando o mandato pra ser candidato nas proximas eleicao.abra o olho povao os golpista estao pra todos os lados .

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO