Golpistas lesam em R$ 3,5 mil um casal de idosos em Iapu

Estelionatários utilizaram dados da venda de uma cinta magnética para ter contato com as vítimas nos últimos dias

Arquivo/Diário do Aço


O golpe aconteceu em Iapu e foi registrado pela Polícia Militar neste fim de semana

Um casal de idosos, de 74 e 78 anos, foi vítima de estelionatários conforme os registros da Polícia Militar feitos na rua Frei Marcelino de Milão, no bairro Caixa d’água, em Iapu. Os criminosos tiveram acesso a dados das vítimas que foram convencidas a comprar uma 'cinta magnética' de uma empresa situada em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

As vítimas relataram para a Polícia Militar que compraram o produto no mês de maio do ano passado e pagaram uma entrada de R$ 200 e o restante dividido no cartão de crédito. No último dia 19 de fevereiro dois homens estiveram na residência do casal, alegando serem representantes da empresa e que o casal havia sido premiado com um desconto de 70% pela compra feita em 2018.

Eles ludibriaram os idosos alegando que precisava dos dados da conta corrente do idoso, mas convenceram a dar também a senha do cartão. A dupla alegou que o valor ganho seria depositado na conta do casal. Os autores foram embora, contudo dois dias depois apareceu uma mulher que se apresentou como funcionária da empresa.

Ela trouxe uma máquina de leitura de cartão e pediu que o cartão fosse 'passado' e em seguida digitada a senha. A suposta funcionária explicou que seria o procedimento para que o casal recebesse o valor do 'prêmio'. Em seguida a golpista foi embora após os procedimentos na casa das vítimas.

A idosa desconfiou das duas visitas de supostos funcionários da empresa da cinta e resolveu ir até o banco, onde pediu um extrato da conta-poupança do casal, quando descobriu que foram sacados R$ 3 mil no dia 21 de fevereiro, dia em que a mulher esteve na casa dela. Houve ainda uma compra de R$ 500 em nome do marido da vítima no dia 19. A PM registrou o caso e repassou para a Polícia Civil.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO