Homem preso por agredir vítimas em assalto a residência

Acusado do crime ainda feriu um comerciante e tentou reagir ao preso pela Polícia Militar, em Jaguaraçu

Google


Os crimes ocorreram em Jaguaraçu, município conhecido pela baixa incidência de crimes

Uma violenta tentativa de roubo em uma residência, seguida por agressão e ameaça a um comerciante idoso resultaram na prisão de E.R.X., de 30 anos, fatos ocorridos em Jaguaraçu. O acusado do crime já possui passagens policiais e ainda deu trabalho aos policiais militares ao reagir à tentativa de prisão.

As vítimas, uma mulher de 49 e sua filha, uma jovem de 18 anos, estavam em casa no sábado à noite. Após verem TV, foram dormir, mas elas acordaram com um homem que invadiu a casa delas pela porta dos fundos. O invasor já chegou agredindo a moradora mais velha com socos querendo dinheiro.

A filha, ao tentar socorrer a mãe, também foi agredida com vários socos. Durante a agressão, as mulheres gritaram por socorro. O autor acabou desistindo do roubo e fugiu sem nada levar de valioso da residência, mas ele deixou para trás um par de chinelos na cor azul Havaianas. As duas sofreram vários ferimentos no rosto.

Os policiais chamados receberam dois nomes de suspeitos que poderiam ter cometido o crime. Um deles foi encontrado, mas conseguiu provar que passou a noite em casa, conforme testemunhas. Enquanto os PMs realizavam buscas, foram informados por outras pessoas que E.R. articulava o ataque à casa das vítimas, pois elas haviam recebido o salário na última sexta-feira.

Neste momento, um comerciante de 71 anos acionou a PM para relatar que E. havia entrado em seu comércio para matá-lo e feriu o seu rosto com pedaços de tijolo. Os PMs depararam com o acusado ainda segurando o tijolo e ele gritou: “dois policiais não vão colocar a mão em mim”, passando a desafiar os militares.

Conforme o relatório, o homem partiu para cima dos policiais que, para se defender, utilizaram bastão e golpes de defesa pessoal para imobilizar o agressor. Na confusão, E.R. bateu a cabeça no meio-fio da rua. Uma ambulância da Secretaria Municipal de Jaguaraçu foi acionada para socorrer o preso, que foi levado para o Hospital Dr. José Maria de Moraes, em Coronel Fabriciano.

Após ganhar alta médica, E.R. foi encaminhado para o plantão da 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Ipatinga. Os policiais informaram na ocorrência que o acusado possui passagens anteriores por desacato e resistência à prisão, último fato ocorrido em 10 de agosto do ano passado.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO