Em BH, o bloco Então, Brilha toca sirene e homenageia vítimas de Brumadinho

O barulho de uma sirene soou durante um minuto e emocionou os participantes do bloco

Douglas Magno


Sirene durante o bloco homenageou as vítimas da tragédia de Brumadinho
Silêncio absoluto entre os foliões por alguns instantes. Apenas o barulho de uma sirene soou durante um minuto e emocionou os participantes do bloco "Então, Brilha!", em Belo Horizonte, neste sábado (2), numa homenagem às vítimas do rompimento da barragem I da Mina de Córrego do Feijão, em Brumadinho.

"A gente é para brilhar e não para ficar debaixo de nenhuma lama". Além do minuto de silêncio, o bloco também homenageou os bombeiros que participaram do resgate das vítimas. "Aqui no nosso meio tem bombeiro que ajudou a salvar vidas em Brumadinho. Essa é a nossa luta do Carnaval é nossa homenagem a eles", disse o puxador do bloco. O nome do militar homenageado que está no cortejo não foi divulgado.

(Com informações: O Tempo)

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO