Quatro detidos por tráfico em beco no Esperança

Policiais militares encontraram maconha, cocaína e dinheiro com os suspeitos em abordagem

Divulgação


Operação foi realizada na rua Vitória-Régia, no bairro Esperança, e resultou na apreensão de droga, dinheiro e detenção de quatro pessoas

Quatro pessoas são acusadas de envolvimento com o tráfico de entorpecentes ilícitos, em Ipatinga. Equipes da Polícia Militar cercaram um beco na rua Vitória-Régia, no bairro Esperança, onde encontraram drogas e material usado no tráfico no local, denunciado de forma anônima.

As equipes da Polícia Militar tinham informações segundo as quais o beco 20, localizado na avenida Vitória-Régia, seria um ponto de tráfico e, na noite de sexta-feira (8) várias pessoas estavam no local fazendo o comércio de entorpecentes. Os policiais se dividiram em dois grupos para fechar as saídas do beco e iniciaram a incursão.
Os suspeitos ao avistarem uma das equipes saíram correndo para a parte alta do morro e tentaram se esconder em um barraco, mas foram surpreendidos pela outra equipe da PM. Foram abordados três adolescentes, de 14, 16 e 17 anos, e ainda F.R.P., de 21 anos. Com eles a PM recolheu R$ 484.

No local de onde saíram correndo, os policias apreenderam dois tabletes de maconha e uma balança de precisão. Onde ocorreu a abordagem, no barraco foram encontrados mais cinco tabletes e uma bucha de maconha, quatro pinos com cocaína, droga que estava com um dos menores infratores.

O adolescente de 16 anos, encontrado com a droga, alegou ser o dono do barraco. Os PMs apreenderam várias sacolinhas plásticas usadas para embalar entorpecentes. O cão “’Zairon”, da Rondas Ostensivas com Cães Adestrados (Rocca), localizou mais uma porção de maconha no beco. Os detidos foram encaminhados para a delegacia de Polícia Civil e entregues todos os objetos recolhidos na operação.

Abordagem e cocaína apreendida

Um carro foi cercado pela PM e o condutor abordado durante a madrugada deste sábado (9) na rua Graciliano Ramos, no bairro Cidade Nobre. No veículo, cujo motorista tentou evitar a abordagem policial, estavam três pessoas, entre elas um adolescente que estava com papelotes de cocaína que seriam vendidos em um show.

Uma equipe da PM estava em patrulhamento e deparou com o carro parado em frente a um bar, na avenida José Anatólio Barbosa, no bairro Limoeiro. O condutor do veículo arrancou o Fiat Uno ao notar a aproximação da viatura. Os policiais solicitaram reforços para parar o automóvel, o que ocorreu no Cidade Nobre.

No carro estavam dois adolescentes, ambos com 17 anos e várias passagens pela polícia. Em poder de um deles encontrados quatro papelotes com cocaína dentro do tênis. O motorista E.F.S., de 22 anos, estava indo para uma festa na Usipa e disse que deu carona para os menores de idade. Ele e os suspeitos foram conduzidos para delegacia.

Comentários

General 09 de Fevereiro, 2019 | 11:36
Esses menores vão continuar a vender drogas. Brasil tinha que ser igual EUA, aos 10 anos já se responsabilizam por crimes. Há reformatórios como prisões. Eles ficam lá ate completar 18 anos, ou se o crime for grave, já sai pra perpetua. Brasil precisa de educação e penas mais duras, cadeias mais fortes!!!!

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO