Motim no presídio de Coronel Fabriciano

Desentendimento ocorreu no começo do horário de visitas, informa a mãe de um preso

Enviada WhatsApp Diário do Aço


Familiares se reuniram durante toda a tarde em frente ao presídio

A cadeia de Coronel Fabriciano enfrenta um motim desde o começo da tarde desse domingo. A mãe de um preso, que pediu para não ser identificada, informou ao Diário do Aço que os presos aguardavam a chegada dos familiares para a visita de domingo, quando houve um desentendimento.

Agentes de segurança penitenciária entraram em ação no momento em que visitas já estavam no interior da cadeia.

Ninguém entrava nem saía do presídio. "Quando os agentes entraram os presos pediram para que os familiares fossem retirados. Eles lançaram spray de pimenta e pessoas (familiares) foram atingidas", detalhou.

Em outra mensagem, familiares enviaram fotos de duas mulheres, mostrando marcas de tiros de borracha, nas pernas e nos ombros.

A confusão estendeu-se para o lado de fora da cadeia, onde outros familiares de presos passaram a tarde reunidos.
Enviada para o WhatsApp Diário do Aço


Mulher saiu ferida com tiro de borracha no ombro


Agentes Penitenciários das unidades do Vale do Aço foram acionados para reforço, e a Polícia Militar também foi para o local, para a segurança externa. Por volta das 19h um agente confirmou que a situação estava sob controle e o motim estava encerrado.

Segue a íntegra da nota da Seap

“Agentes de segurança penitenciários do presídio de Coronel Fabriciano controlaram um princípio de motim no início da tarde deste domingo (3), por volta das 15h30. Presos danificaram as celas e atiraram objetos nos agentes durante o horário de visitação. Seis detentos foram atingidos por disparos de munição menos letal durante a contenção. Eles receberam atendimento médico e já retornaram às celas. Servidores das unidades de Ipaba, Timóteo, Ipatinga e Açucena auxiliaram no controle da situação no presídio. A Polícia Militar auxiliou na segurança externa da unidade. A direção-geral da unidade prisional irá instaurar um procedimento preliminar para investigar o ocorrido e entender as causas das reivindicações”.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Carla 08 de Fevereiro, 2019 | 01:15
Seus covardes coloca sua mãe lá então uaiii
Boneca 06 de Fevereiro, 2019 | 17:01
Será que ainda chegará o dia em que serão proibido as visita intima? Proibido a entrada de mulheres, idosos e crianças? Será que chegara o dia em que os Agentes deixaram de ser babas de preso, e quando um aprontar eliminar de uma vez? Cadeia e lugar de gente que não presta, que vem na terra pra servir ao inimigo, resumindo: Ali tem somente Secretários do Diabo.
Ludmila 05 de Fevereiro, 2019 | 22:32
Li aqui que o preso já está lá pagando pelo que fez... TA BOM! Vai falar isso pra família que ficou sem o seu provedor morto em assalto por bandido... a pena dele não trás a vida de ninguém de volta, não desestrupa jovens, crianças, não põe de volta na conta um salário suado roubado, um celular comprado com dificuldade dividido em 12x... tomem vergonha na cara. Nem bandido gosta de bandido, se alguém roubar na quebrada alheia toma tiro.
Ludmila 05 de Fevereiro, 2019 | 22:26
Tá indo visitar bandido, os mesmos são covardes de usar a família como escudo pra se protegerem dos agentes e ainda acha ruim de levar tiro de borracha??? Tá pegando o boi que não foi letal. Quando as vítimas da sociedade estão soltos para estuprar, matar e roubar pessoas de bem eles não usam letal? Ueee! E outra, não vou nem ler esses comentários com vários erros de gramática, citando Deus e falando que lá tem pai de família... tudo visita/bandido defendendo os seus.
Agente 05 de Fevereiro, 2019 | 17:50
estes agentes penitenciario são tudo é folgado e gosta é de bater ne preso tem que começar é matar estes filhos da puta
Laila 05 de Fevereiro, 2019 | 17:34
Todos trazemos cultura e conhecimento independente da quantidade de diplomas que alcançamos,o que nao deixa de ter seu mérito, o problema dos comentários é que nao se atem à matéria vindo aqui expor opinoes que na verdade parecem mais cligê de uma sociedade hipócrita.Sr agente dentro do pátio onde estávamos não havia tijolos ou celas e ainda estava no horário de visita., fator principal de todo o acontecido. Os agentes colocaram em risco a integridade
física de todos os presentes..Nao foram os presos que começaram isso, como disse um agente usou o spray de pimenta a qual eu mesma passei mal. Quanto ao meu papel na visita estou fazendo, nao minha opiniao de direito, parte de reintegração social do meu parente , isto exatamente como me foi orientado por profissionais.
obs:Tenho filhos e amigos na pm.
Caveirão 05 de Fevereiro, 2019 | 15:48
Uma .50 na recepção resolve o problema! Faca na caveira p esta corja de bandido, eles nao precisam de familia, eles não gostam de familia, eles não convivem c familia, só os usam pra levar drogas e celulares, isso qdo não os usam de escudo nas rebelioes como esta!!!
Asp 05 de Fevereiro, 2019 | 14:57
Os agentes penitenciários, são um braço do estado esquecido por ele mesmo.
Trabalhão 24h, para manter preso aqueles que a sociedade tem medo. Todos os dias fazem milagres. Se preso quer quebrar a cadeia, é tiro e bomba. Se visita de preso também quer quebrar a cadeia é tiro e bomba.
Afinal a ordem tem que ser mantida.
Agente 05 de Fevereiro, 2019 | 14:11
Sra Laila.. Era só vcs terem saído do pátio, E não haviam ninguém apontando arma pra visitas não. Estavam apontando para os presos que estavam quebrando as celas, jogando tijolo nos agentes e serrando grades, aí quando os agentes reagiam para impedir, eles colocavam vcs na frente, como escudo. Turma de covardes.

E agora, resolveu o que?
Me diz aí?
Laila 05 de Fevereiro, 2019 | 13:59
Daqui pra frente a tendência é só melhorar!
Parabéns a nova direção presídio,direção nota 10000000 parabéns diretores por colocar a casa em ordem!Quem ñ estiver satisfeito é só nao ir pra lá ninguém vai na casa de vcs chamar ninguém pra ir lá!E mt menos buscar presos para lotar a cadeia.Bandido bom é bandido ........
há e usando a fala do meu presidente!!! "Brasil a cima de tds e Deus acima de todos".Desce o pau em td,turma de mulherada atoa sem serviço q fica em porta de cadeia. Parabéns aos agentes Penitenciária que Deus proteja vcs.
Laila 05 de Fevereiro, 2019 | 13:33
Bandido bom é bandido morto!É só não matar,
Não roubar!
Não estrupar!
Não cometer latrocínio!
Não traficar!Q vc ñ vai parar lá porra!
E quem tiver dó dessa raça leva pelo menos uns 10 pra suas casa.
Alguem 05 de Fevereiro, 2019 | 13:29
A verdade que muitos ai falando que lá no presidio tem preso trabalhador e inocente acredito que tenha mas geralmente esse tipo de presos não causa problema para o andamento da unidade os presos que arrumam problema são vagabundos mesmo que gostam da mutamba acham que são reis se acham mais homens que outros homens e aí garra a boca no arame e outra coisa as visitas que ficaram para fechar com os presos arruaceiros são tão bandidos quanto os detentos que promoveram a quebradeira e destruição do patrimônio público e advinha de onde vai sair o dinheiro pra reparar os danos do bolso do contribuinte.
Sérgio Moro 05 de Fevereiro, 2019 | 13:01
Pra começar ,vou acabar com visita íntima nos presídios,quer fazer sexo? É só não cometer crimes ,posteriormente vamos acabar com visita social ,acabar com benefício pra preso ,tem que cumprir a pena integral.
Rodrigo 05 de Fevereiro, 2019 | 12:59
O poder público tem que proibir por completo a entrada de crianças e gestantes em cadeias, estes locais são: insalubres e perigosos, um barril de pólvora, pode explodir a qualquer momento.
Tem q ter menos regalias e penas mais severas para quem só destrói o meio social.
Dinheiro q poderia estar sendo gasto com saude, educação, lazer etc, está sendo gasto com vagabundos que depredam o patrimônio público além dos milhares de direitos que os mesmos tem, só no presídio de coronel Fabriciano São:1medico 2 enfermeiras 1 nutricionista 1 dentista 1 assistente de dentista 2 psicólogas 2 assistentes sociais 1 assistente jurídico. Tenho certeza que cidades com cerca de 10.000 habitantes não tem tantos proficionais por conta de cidadãos de bem.
Lia 05 de Fevereiro, 2019 | 12:36
Bolsonaro neles! Se essa tropa de vagabundo está do jeito que está é devido a sensação de impunidade causada pela omissão dos nossos legisladores. Todo castigo pra preso é pouco! Não quer sofrer os rigores da lei? Simples, não cometa crimes.
Pedrin Perito 04 de Fevereiro, 2019 | 21:23
Se fosse uma página cultural,um livro,uma revista de ciencias não teria tantos comentários quanto estes nessa matéria policial, é sempre assim, falta de estudo,cultura e entendimento.Se morre bandido,o "morro "todo comenta,se tem rebelião em cadeia,parentes e metidos a conhecer de leis comentam.Não é questão de preconceito,é questão de mudar o jeito de ver as coisas,inclusão,socialização,educação e um pouquinho de berço...só assim que vamos acabar ou diminuir essa inversão de valores.
Falo Mesmo 04 de Fevereiro, 2019 | 21:02
Deviam usar armas, ai acabava um pouco com esta cambada ai, teria espaço para os que ficarem. Cadeira elétrica neles
Mauro 04 de Fevereiro, 2019 | 18:20
A verdade de tudo isso é que somos vítimas de um legislativo que criou leis para corruptos e vagabundos da msm estirpe da maioria daqueles presos que ali estavam. leis que permitem contato físico entre visitantes, presença de crianças e gestantes em um ambiente insalubre e pasmem, visitação de `` amigos´´. o máximo que deveria ser permitido é a visitação assistida com um espelho como barreira e um telefone, quer ter contato físico e relações sexuais não cometa crimes, ´´ é só não roubar, estuprar e matar que não vai pra lá porra´´. mais um fato a ponderar é que o intuito desse motim já foi previamente arquitetado por alguns presos para tentar retirar a Direção que ali se encontra, que por sinal vem fazendo um ótimo trabalho, tirando tds as regalias que existiam, por isso a revolta desses vagabundos. posso afirmar que a maioria dessas mulheres que foram atingidas participaram de forma direta ou indireta do motim, são as mesmas figurinhas de sempre, inclusive essa vulgo ´´ laila ´´ dormem na fila de uma cadeia pra visitar os pilantras, mas não ficam na fila de um hospital pra um parente, queria ver se os maridos fossem trabalhadores se iriam levar comida quentinha na obra pra eles, têm o que merecem msm.
Pedro 04 de Fevereiro, 2019 | 17:57
Grande parte do que aconteceu é culpa do legislativo criou normas que permitem a visitação em presídios por crianças e gestantes. Se vivessemos em um país sério, tds os tipos de visitas seriam através de um vidro e por um telefone ( zero contato físico ) e isso uma vez no mês no máximo. Por mais que tenham presos que queiram retornar à sociedade e reconstruir suas vidas, a vdd é que a maioria que está ali só quer usar drogas, comer, beber e dormir nas nossas custas, não ficam 1/3 da pena, na maioria dos casos, e já estam nas ruas cometendo novos ilícitos, por mim tinha que trabalhar o dia td pra pagar sua estadia, msm que seja capinando ou quebrando pedra. E mais uma coisa, são falsas as afirmações que os agentes impediram que as viai5tas saíssem, a vdd é que os vagabundos, covardes dos presos os privaram de sair, pois sabiam que isso limitaria a ação dos Agentes em restabelecer a ordem.
Alguem 04 de Fevereiro, 2019 | 16:36
O problema do ser humano é jugar as coisas sem saber a verdade , vocês acha que todos os presos são bandidos tem muitos pais de família que foram presos injustamente é da mesma forma que tem polícias e agentes corretos existe os corruptos, poq para pra pensa como nessas cadeias tem o raio x não tem como a visita levar droga e nem celular aí depois aparece q foram achando coisas dentro de cadeia máxima vc acha q apareceu como? Caiu do céu?lgc que não então pare de julgar as pessoas poq todos nós somos sujeitos a cair é espero que vcs não passe por isso pra aprender e outra na bíblia mesmo fala q quem veio pra julgar é Deus então pq vcs estão julgando? Muitos são batidos é tem q paga pelo o que fez mais infelizmente não é 100% no presídio que estão ali poq errou
Raysa 04 de Fevereiro, 2019 | 16:29
Quem tá de fora gosta de julgar os preso,Queria ver se tivesse familiares deles lá se iriam falar do jeito que estão falando.E outra tem policiais que é mais vagabundos do que um preso.Tem policiais que não vale o salário que ganha.Eles faz o mesmo que um vagabundos faz ou pior.
Filha de Deus 04 de Fevereiro, 2019 | 14:43
Eu Acho Muito Engraçado o Jeito Que Vocês Fala De Um Preso Certo Que Eles Errar e Tudo Eles Tá Pagando Pelos O Que Eles Fez E Ninguém Te Nada A Ver Com A vida Do Zoto Não Vocês tinha que caçar um serviço para vocês bando de à toa fica comentando aí o que não sabe de nada não sabe nem a hora que quer caga e fica dando palpite aí vocês não tem o que fazer vocês tem que ir procurando serviço em vez de ficar dando conta de que de preso vai me dizer que na sua família não tem nenhum preso deve ser que todos são certinho para e pensa ninguém antes de vocês saírem julgando as pessoas olha no seu lado olhe dentro da sua casa para depois sair julgando porque se você fala isso hoje amanhã pode estar acontecendo com você está na porta de um presídio visitando alguém que vocês ama ☝🎭🎭🎭
Juliana 04 de Fevereiro, 2019 | 13:23
Engraçado é a sociedade colocar os profissionais como um vagabundo qualquer, estão alí pra fazerem seu trabalho, e acidentes acontece,da uma vergonha de ver que ,os que deveriam ser os mocinhos pra sociedade ,visto que dão a vida pra tentar manter a paz,mesmo recebendo um salário defasado, e o décimo terceiro em 11 parcelas..é fácil falar quando não se vive a situação.
Jingilo 04 de Fevereiro, 2019 | 12:35
Oq eu venho diz eo seguinte sou ex presidiario da PDMC(penitenciara denio moreira de carvalho) onde se encontrava o direto de seguranca sr.Mário tadeu conhecido como indio
Pois pelo fato dele ter autoridade sobre os prezos ele acha que e justiceiro entra nos blocos com arma letal metendo bala certo batendo em cara dos presos. Misturando presos de artigo pesado com presos de ourtro artigos uma cela que cabe 1 ou 2 presos ele coloca 10 ou mais pessouas
Humilia nossos familiares bagunca as alimentacoes no casa ele invoca com os presos intt oq venho falar e isso senhpr mairo tadeu ja presenciei sua acoes ao vivo e a cores e quem ja passou la sabe que estou falando verdade e
Laila 04 de Fevereiro, 2019 | 11:19
Um funcionário competente sabe a hora de agir quando necessário e avaliar danos e riscos com sua atitude.Segundo oque "ouço" é hábito dos agentes fazer uso de armas não letais independente de confronto pela parte dos presos e não estou dizendo que não são "criminosos" .Devem a sociedade e estão pagando com a privação da liberdade, agora engana e muito quem diz e generaliza que as mães e esposas todas são criminosas, a MAIORIA são pessoas comuns.
Agora do FATO EM QUESTÃO o problema começou quando um agente usou o spray em uma atitude isolada no horário em que o pátio estava cheio de visitas, como ja disse gestantes , senhoras e bebes de colo. Eu finalizo oque na verdade um desabafo, que se alguém aqui tem na sua família mulher , criança ou mãe pode usar um pouco de empatia se quiser, seria muito bom.
Palhaço 04 de Fevereiro, 2019 | 10:55
Conheço uma familia que a nos atras adorou um rapaz, cujo so deu desgosto e trabalho para os pais adotivos. Pois bem, hoje os 2 são aposentados, ele com um salario razoável ela apenas com um salario minimo, família simples, criados dentro dos padrões que a população diga "normal". se desdobram para pagar aluguel, se manterem com alimentação, despesas que toda casa tem, água e luz, e ainda por cima tem que ter algo para "mandar" para o bonitão, ou seja os pais tiram da boca pra enfiar em cadeia. Eles apenas mandam, mais desde quando foi preso não foram la, e eu acho certíssimo não ir, por mim não mandavam era nada, mais ficam com pena e mandam.
José Carlos Oliveira 04 de Fevereiro, 2019 | 10:53
Violência só vai gerar violência. E aos "especialistas" que defendem a agressão aos presos é bom lembrar que se algum deles morrer ou se ferir com sequencias o Estado ou seja, nós, contribuintes é quem vamos pagar indenização, pois um preso é tutelado pelo Estado. Pronto, falei.
Cadu 04 de Fevereiro, 2019 | 08:58
tem que arrumar uma ilha deserta para por esses lixos e deixarem a sociedade em paz,quero ver parente ir la.
Boneca 04 de Fevereiro, 2019 | 08:12
Acho engraçado, se e da familia e tadinho, se for de outra não. Tenho certeza que la dentro existem pessoas que matou, ai se na TV passa um homem que mata a ex, em casa o parente do preso deve pensar (porque não pode falar): Vai apodrecer na cadeia. Cadeia ainda e hotel, comem carne todos os dias, algumas ate fruta dão ( pelo amor de Deus).
Leonardo 04 de Fevereiro, 2019 | 08:06
Não é lugar de criança e nem senhoras, muito menos grávidas, e se estao la não foram obrigadas, se foi preciso tiro, porrada e bomba, PARABÉNS AOS AGENTES.
Djalma Paizante Neto 04 de Fevereiro, 2019 | 05:13
Vagabundos têm que tomar pau no lombo e trabalhar pra pagar estadia. É isso que dar deixar essa corja no ossio. Têm muito tempo para planejar baderna.
Agente 04 de Fevereiro, 2019 | 04:56
Agente não fala. Quem dá a versão para a imprensa é a Seap. Se querem falar, façam como os parentes dos presos, procurem a imprensa.
Irmã da Maria 04 de Fevereiro, 2019 | 00:00
Engraçado que os jornais nunca publicam a versão dos agentes penitenciários. Se existisse punição para todos os presos quando houvesse motim os presídios eram melhores. Não sei porque visita dentro do presídio, era para existir uma sala e uma divisória de vidro ou ferro para separar os presos dos visitantes onde eles pudessem se ver sem ter algum contato físico...
Marques 03 de Fevereiro, 2019 | 23:45
Diário do aço, gostaria de saber se voces vão colher a versão dos agentes penitenciários que trabalham no presídio de Coronel Fabriciano, e posteriormente e publicarem para que nós saibamos as versões das partes envolvidas, só a versão da visita do preso não é suficiente para entendimento pleno do fato!
Luis 03 de Fevereiro, 2019 | 22:47
Família de preso é igual ou pior que eles , fazem de tudo pra levar conforto pra assassino, estuprador, traficante, dizem q foi um mal passo Rsrs que sempre se repete.
Estes familiares tentam a todo custo levar drogas e celulares, pra esses desgraçados que matam e roubam sem dó nem Piedade. E depois se fazem de vitimas quando a policia ou os agentes decem o cacete. Dizem q é desumano e covardia com o preso, que esta pagando cadeia dele na humildade. Sistema prisional de minas é uma vergonha , parece colônia de ferias pra vagabundo. Vagabundo tem que sofrer e não viver cheio de regalias, e com o dinheiro de quem é honesto q mantem este coitadinhos rsrsrs. Pais sem vergonha herança maldita do PT. Bolsonaro n faz milagre em 4 anos, de 20 destruídos pelo PT.
Rafael 03 de Fevereiro, 2019 | 22:30
Sempre os Agentes são errados ne ??? Mas a família dos presos nao vê na hora que os presos querem tocar terror na cadeia , nao vê quando eles ameaçam os agentes , e além do mais se eles fossem tão bons nao estariam presos, estariam trabalhando , a propia bíblia diz que nao há autoridade constituída na terra senão que provenha de Deus , leiam em Romanos...
João Luiz 03 de Fevereiro, 2019 | 22:28
Só fazem peso na terra mesmo
Super Sincero 03 de Fevereiro, 2019 | 22:28
Fica onerando o Estado com essa trupe....dá nisto mesmo.
Passa o cerol que acaba com motim.Ponto final.
Carlos 03 de Fevereiro, 2019 | 21:50
É sempre a mesma conversa.
Esses presos combinam com seus próprios familiares de fazer uma "treta" lá dentro com o fim de chamar a atenção.
Os agentes são obrigados a agir. A partir de então os presos aceitam liberar os familiares, que vão para a porta do estabelecimento prisional fazer algazarra. Em ato contínuo os presos fazem um quebra-pau dentro da unidade enquanto seus familiares buscam chamar a atenção do maior número possível de pessoas. Sem tardar muito, os veículos de imprensa chegam e compram o peixe dos familiares dos presos.
Aí me saem notícias como essas com trechos: "bombas foram atiradas e pessoas foram atingidas"?! É óbvio que se atiram bombas com o fim de atingir alguém! Entretanto, a forma como é lançada a notícia parece que não era para atingir, o fim é fazer parecer que houve falha no procedimento.
No dia que a imprensa descobrir o valor das Polícias, dos Agentes prisionais e de todo o sistema de segurança pública, vai acabar essa choradeira chata. Quem gosta de bandido que vá até uma unidade prisional e adote um. Leve para sua casa e coloque para dormir com sua família!
Padre Marcelo 03 de Fevereiro, 2019 | 21:30
O Minha gente é so não aprontar que seus familiares não irão precisar passar por isso , mas quando estão em liberdade não raciocinam são todos egoístas esse é meu ponto de vista se sabe que viver aí dentro ou melhor vegetar ai não é nada fácil porque infligir a lei sabendo que vai ir pra cadeia , que Deus ainda está tendo ainda de misericórdia pois sabe que a vida errada so existe dois caminhos pois esses que vcs estão ainda recebem visita no dia de domingo o outro e so flores em 02/11 o pior e que colocam a Família em dificuldades a mãe passando por situações tão constrangedora pra visitar o filho revistas e etc não sejam egoístas não pensam em so em vocês pensem em sua família a mãe de ninguém é familiar algum merece passar por tal situação tão constrangedora veja o ocorrido de hoje ficar em meio a mira de revólver vamos parar e pensar...
Paulo 03 de Fevereiro, 2019 | 21:28
Diário do Aço só passa notícia do presídio com versão de parente de vagabundo.

Laila 03 de Fevereiro, 2019 | 21:26
Nao estou publicando versão de nimguém estou relatando um fato a qual eu estava presente e ele é verídico.
Roberto 03 de Fevereiro, 2019 | 21:18
SRA.Laila ñ acredito nessa fala sua pq o preso qdo faz motim queima colchões, cortam fios, arrancam portas de ferro, jogam alimentação fora , quebram cadeados, destrói a cadeia . Ou seja CRIME, Danos ao património público. Ai depois falam pra família q tão sofrendo. 4 alimentação por dia , carne e verduras todos os dias , come da mesma comida dos funcionários.Coitados é dos trabalhadores q ñ tem isso. Será q ta errado ???
Abroba 03 de Fevereiro, 2019 | 20:59
Desse o pau nos preso e nós familiares baderneiros... faca na caveira
Arthur 03 de Fevereiro, 2019 | 20:59
Corta água, comida e luz... passa uma noite e um dia eles voltam ao normal ainda mais no calor do inferno que ta fazendo...
Selmaalvesoliveira@hotmail.com 03 de Fevereiro, 2019 | 20:58
cadeia não e ambiente pra levar crianças!
Roberto 03 de Fevereiro, 2019 | 20:55
Coitados so tem anjinhos lá dentro, anjinhos q a sociedade ñ aceita conviver no mesmo ambiente. Pois são pessoas q ñ se pode confiar . Estupradores , assassinos , traficantes, assaltantes, estelionatários , aliciadores de menores ou seja, pessoas q destroem sonhos e famílias do bem , trabalhadoras q honram com suas obrigações honestamente. Quem ta errado nesta história? ??
Laila 03 de Fevereiro, 2019 | 20:31
Momentos de terrror, senhoras , mulheres grávidas, crianças de colo trancadas no pátio na mira de tiros e bombas sem saber oque fazer .
Suzana 03 de Fevereiro, 2019 | 18:25
Blz. Agora publiquem a versão dos agentes e policiais militares. Esses presos são uma piada. No outro motim colocaram fogo nas celas e queimaram as fiações e depois reclamaram com a imprensa que estavam sem luz! Cambada de burros..

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO