Mulher sofre grave ferimento em batida de moto e carro, em Timóteo

Vítima era passageira da motocicleta que se envolveu no acidente na noite desta terça-feira no bairro Olaria II

Enviada para o WhatsApp Portal Diário do Aço


As vítimas atingiram eta parte frontal do lado esquerdo do carro

Até a tarde dessa quarta-feira (30), estava hospitalizada, em estado grave no Hospital São Camilo/Vital Brazil, em Timóteo, Fabíola Ribeiro Jardim, de 44 anos. Ela era a passageira de uma moto que se envolveu em uma colisão com um carro na avenida Acesita, no bairro Olaria II, no fim da noite de terça-feira. Por motivos desconhecidos, o piloto da moto fugiu do local.

O acidente aconteceu por volta das 22h30, conforme registros da Polícia Militar de Timóteo. O motorista do Chevrolet Classic, Hélcio Lúcio Pereira, de 59 anos, relatou que trafegava pela avenida Acesita. Ao aproximar-se do semáforo, que se encontrava piscando no alerta (desligado), o motorista diz que sinalizou para acessar à esquerda a rua Maria Rodrigues de Carvalho.

Neste momento surgiu a moto conduzida por Emerso Souza Elias, de 44 anos, batendo no lado esquerdo do carro. O casal ocupante da moto caiu no chão. Fabíola sofreu ferimentos graves na perna esquerda e fratura exposta. A mulher foi encaminhada ao Hospital São Camilo e foi direto para a cirurgia diante dos ferimentos graves.

Enquanto uma unidade do Corpo de Bombeiros Militar socorria a mulher, o condutor da moto fugiu do local. O pai dele esteve na cena do acidente e repassou os dados do motociclista para a PM. A moto foi apreendida e removida ao pátio credenciado pelo Detran após os trabalhos da perícia da Polícia Civil. Uma equipe de Coronel Fabriciano foi até a casa de Emerson, mas ele não foi encontrado. O acidente ainda é investigado.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

MAIS FOTOS

Comentários

Jorge Luis de Almeida. 31 de Janeiro, 2019 | 08:09
EITA POVO HIPÓCRITA GENTE ..NUNCA VI TANTA GENTE SEM ESCRÚPULOS TOMEM VERGONHA NA CARA...NENHUMA PALAVRA DE SOLIDARIEDADE PRA COM A MOÇA OU PRA FAMÍLIA ..VOCES NEM DE LONGE IMAGINAM O QUE ELES ESTÃO PASSANDO..É UMA FAMILIA DE PESSOAS SIMPLES GENTE HUMILDE E ESTÃO SOFRENDO BASTANTE,A VITIMA INCLUSIVE PERDEU A PERNA...POVO HIPÓCRITA ..E NÃO SE ESQUEÇA O DITADO É CERTEIRO SE VOCE TEM TELHADO DE VIDRO NÃO ATIRE PEDRA NO TELHADO DO VIZINHO,ESSE ACIDENTE PODERIA TER ACONTECIDO COM QUALQUER UM DE VOCES ,,POIS EU TENHO CERTEZA SE ALGUEM DESSA TURMA DE HIPOCRITA AÍ NÃO POSSUIR MOTOCICLETA TEM UM ENTE QUERIDO UM IRMÃO OU U M AMIGO QUE ANDA NESSA COISA PERIGOSA ..ENTÃO VIGIA..E QUE O SENHOR DEUS POSSA ESTAR LIVRANDO CADA UM DE VOCES DE UM DIA ESTAR EM UMA SITUAÇÃO DESSA...QUE O SENHOR DEUS POSSA ESTAR AMPARANDO VOCE FABÍOLA DANDO -LHE DISSERNIMENTO PRA VOCE ENTENDER QUE O MAIS IMPORTANTE É A SUA VIDA QUE FOI PRESERVADA...VOCE TEM UMA FILHA LINDA E UMA FAMILIA UNIDA E MARAVILHOSA QUE TE AMA MUITO...
Comédia 22 31 de Janeiro, 2019 | 00:12
Ops! Deu seta? É a primeira vez q um motorista desta cidade dá seta! Muito estranho!
Camila Roberto 30 de Janeiro, 2019 | 15:47
#soobservo!
Julia 30 de Janeiro, 2019 | 15:20
Hoooo Jesus, senhor ADEMIR SILVA, quanta ignorância, garanto ao senhor que EU dirijo bem melhor que o senhor, ate quando alguns seres irão ter este pensamento retrógrado. Viu o que da faltar a aula de Português??
Boneca 30 de Janeiro, 2019 | 15:13
Sr. Ademir, creio que o senhor não teve tempo de ler a matéria, quando isto acorrer não mija fora do pinico não.
Irineu 30 de Janeiro, 2019 | 14:44
Ai paraaa, as muieres são ais meiores no volanti
Roger 30 de Janeiro, 2019 | 14:11
Aí burro nao sabe ler ne,toma cepada na muleira.
Camila 30 de Janeiro, 2019 | 13:13
Vc não deve saber ler ne, não era a mulher que estava pilotando não. Homem é muito mais imprudente que mulher e outra coisa fala que mulher n sabe dirigir mas na hora de vender coloca que é " carro de mulher" para vender mais rápido. #sóobservo
Joel 30 de Janeiro, 2019 | 13:06
Ademir Silva. Vc leu a reportagem? Tanto o motorista do carro quanto da motocicleta eram homens. Ele estava na garupa.
Seu comentario alem de inoportuno e preconceituoso, ainda deixa claro sua dificuldade de interpretaçao.
Souza 30 de Janeiro, 2019 | 13:03
Vc Ademir Silva deveria deixar d ser analfabeto e ler a matéria direito. A mulher estava na garupa da moto na qual um homem pilotava. E no carro tb era um homem quem dirigia. Então deixa de ser burro e ler a matéria.
Ademir Silva 30 de Janeiro, 2019 | 11:26
já dizia meu sábio avô, mulher e volante, perigo constante

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO