Condutora de moto morre ao colidir contra ônibus em Timóteo

Acidente aconteceu na estrada entre os bairros Macuco e Alphaville no início da noite deste domingo

Com atualizações às 22h45
Enviada para o WhatsApp Portal Diário do Aço


A moto atingiu esta parte frontal do ônibus da Autotrans

O Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Militar atenderam no início da noite deste domingo (30), um acidente fatal entre os bairros Macuco e Alphaville. A colisão de uma motocicleta contra um ônibus da Autotrans matou a condutora da moto, que trafegava no sentido contrário. Amigos informaram que a vítima era moradora de Coronel Fabriciano e tinha um casal de filhos.

As informações sobre o acidente apontam que a vítima, Geovannia Mendes de Souza, de 31 anos, pilotava uma moto Honda Bros, placa HLS-3940, sentido ao Alphaville e, em uma curva, acabou colidindo contra um coletivo que seguia no sentido contrário. O motorista, Amarildo Torres de Lima, de 53 anos, tentou evitar o impacto jogando o coletivo para a esquerda, mas sem sucesso.

Uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros foi acionada para socorrer a motociclista, mas ela não resistiu ao violento impacto e morreu antes de ser resgatada. Populares alegam que neste trecho já aconteceram outros acidentes graves e fatais.

Reprodução Vídeo


Momento que a vítima se prepara para assumir a direção da moto

Um vídeo registrado por uma pessoa amiga da vítima, divulgado em redes sociais, flagrou a jovem caminhando para a sua motocicleta, minutos antes de ela se acidentar.

Há uma semana, no domingo passado (23), Agostinho da Silveira Pinheiro Filho, de 51 anos, morreu ao colidir frontalmente a Honda Bros que ele conduzia, contra um Fiat Uno. Além destes veículos, um terceiro (Ford Fiesta) foi envolvido neste acidente.

MAIS FOTOS

Comentários

Gto 12 de Janeiro, 2019 | 21:55
com certeza ,houve algum excesso ;ali normalmente os motociclistas passam em velocidades em ate 70% alem do permitido pela via ....se eh 60km/h passa-se ali a 130km/h .....e isso em perimetro urbano....imagina na rodovia ,e por isso que se morre...
Sgt Corpo Fuzileiro Naval Mb 06 de Janeiro, 2019 | 13:26
O mais irônico q todos motociclistas q utilizam aquela via,nunca passam por aquele local com velocidade inferior a 70km ...sempre de 80,90,100,e até 120 km por hora.eu já vi! Um cachorro q atravessar na frente causa acidente.
Cidado Inconformado 04 de Janeiro, 2019 | 09:37
É, nota-se que ela estava com bons equipamentos de segurança avaliados pelo INMETRO, o que será que faltou?
Torres Jr Despachante 31 de Dezembro, 2018 | 15:05
Triste... Deus conforte a família da vítima... e autoridades, repensem a segurança nesse local... 2 acidentes fatais em 1 semana..
Jander Muniz 31 de Dezembro, 2018 | 01:04
Em uma semana, dois acidentes idênticos exatamente no mesmo local. Já está na hora da administração pública tomar providências em relação àquela via.
Mas, os condutores também devem ser melhor orientados quanto aos riscos do trânsito.

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO