13 de dezembro, de 2018 | 08:00

Jajá mantém o foco para mais uma temporada no Muanthang-TAI

O sucesso no poderoso time da capital Bangkok despertou interesse de diversos clubes, a ponto de ter sido vendido ao Muangthang United no início deste ano

Tiago Araújo
Jajá espera uma nova temporada de sucesso no elogiado futebol tailandêsJajá espera uma nova temporada de sucesso no elogiado futebol tailandês

Aos 32 anos e com mais de quinze transferências desde que iniciou sua carreira no profissional do América, no início dos anos 2000, o meia atacante ipatinguense Jajá está de férias na cidade. Em poucos dias viajará novamente à Tailândia, onde está há dois anos, para se reapresentar, até dia 10 de janeiro, ao Moungthang United, clube da cidade de Muang Thang Thani, que defendeu em 2018. Antes, brilhou com a camisa do campeoníssimo Buriram United, tendo sido inclusive artilheiro do futebol no país em 2017, com 39 gols.

O sucesso no poderoso time da capital Bangkok despertou interesse de diversos clubes, a ponto de ter sido vendido ao Muangthang United no início deste ano. Lá, Jajá, completamente adaptado à vida de morar no exterior e num país de costumes diferentes, pelos mais de dez anos de andanças (já morou na Holanda, Espanha, Bélgica, Turquia, Ucrânia, Emirados Árabes e China), tem mais um ano de contrato e está na expectativa de fazer sucesso a ponto de classificar a equipe para competições asiáticas - este ano ficou em 4º lugar no Campeonato Nacional. O bom rendimento pode abrir as portas de outro clube novamente no continente europeu, seu principal objetivo, onde tem mercado em diversas praças.

Por ora, andanças ao lado dos familiares, em especial do irmão Flavinho (antigo atacante do futsal e do futebol de campo de diversos clubes na região) e do pai, Eisenhower, o "Zeraus", notável volante do futebol amador ipatinguense nos anos 1970 e 1980.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: [email protected]

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

Fábio

13 de dezembro, 2018 | 14:40

“Na Tailândia né? Em terra de cego...”

Ademir Silva

13 de dezembro, 2018 | 10:39

“ta com uma pança de choop, não sei como ainda consegue jogar bola”

Envie seu Comentário