Ministério do Turismo abre votação popular online para o Prêmio Nacional do Turismo

Contribuição dos internautas na seleção dos vencedores poderá ser feita até 29 de novembro. Premiação será realizada em dezembro no Rio de Janeiro

Já está disponível no Portal do Ministério do Turismo os links para votação online da 1ª edição do Prêmio Nacional do Turismo. Os destaques do turismo brasileiro em 2018 serão reconhecidos pelo Ministério do Turismo e pelo Conselho Nacional de Turismo através de votação popular. Os vencedores vão receber troféus e certificados concedidos pelo MTur.

A premiação tem como objetivo identificar, reconhecer e premiar iniciativas, casos de sucesso do turismo e profissionais que tenham inovado ou trabalhado de forma proativa para o desenvolvimento do turismo no Brasil.

A cerimônia de divulgação dos vencedores será realizada a partir das 19h do dia 5 de dezembro no Rio de Janeiro. O palco da solenidade será a Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, com transmissão ao vivo pelas redes sociais do MTur.

“A premiação não tem valor financeiro, porém grande valor simbólico como incentivo e reconhecimento a pessoas e iniciativas que fazem a diferença no desenvolvimento do turismo no país”, afirma o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz.

VOTE AGORA – São cinco finalistas para cada uma das cinco categorias: Academia, Governo, Iniciativa Privada, Organizações Não Governamentais e Imprensa e Mídias Sociais. Para votar agora nos profissionais que estão concorrendo ao Prêmio Nacional do Turismo 2018, clique nos links abaixo:

1 – Academia

2 – Governo

3 – Iniciativa Privada

4 – ONGs

5 – Imprensa e Mídias Sociais
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO