MPF abre vagas para serviço voluntário em Minas Gerais

Com vagas para as áreas de Direito, Biblioteconomia, Contabilidade, Psicologia e Serviço Social, seleção possibilita prática profissional no setor público para estudantes e profissionais; Inscrições vão até o dia 15 de julho

Estão abertas as inscrições para serviço voluntário na sede do Ministério Público Federal em Minas Gerais (MPF/MG), em Belo Horizonte, e nas unidades dos municípios de Ipatinga, Patos de Minas, Teófilo Otoni e Uberaba. As inscrições devem ser feitas por e-mail, até o dia 15 de julho.

O serviço voluntário é uma atividade não remunerada, que não gera vínculo funcional ou empregatício e nem obrigações trabalhistas, previdenciárias ou de qualquer outra natureza. Para se inscrever no processo seletivo, os candidatos devem ter mais de 18 anos e cursar ou ter concluído curso de graduação em uma das áreas com vagas abertas.

A sede do MPF/MG, em Belo Horizonte, oferece duas vagas na área de Direito e uma vaga para Biblioteconomia. As Procuradorias Regionais nos Municípios (PRMs) de Ipatinga e Patos de Minas têm três vagas abertas para Direito. A PRM em Teófilo Otoni tem duas vagas para Direito, e a PRM em Uberaba oferece duas vagas para Direito, uma vaga para Ciências Contábeis, uma vaga para Serviço Social e uma para Psicologia.

Os interessados deverão encaminhar por e-mail o formulário preenchido (disponível no edital), cópia digitalizada do documento de identidade com foto e do CPF, currículo e certificado de conclusão de curso ou declaração de frequência expedida pela faculdade. A lista com os e-mails de inscrição para cada unidade está disponível no edital.

O resultado do processo seletivo será divulgado no site do MPF/MG a partir do dia seis de agosto.

Clique aqui para acessar o edital.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Kristinaham 27 de março, 2020 | 12:33
Está alguém em casa? :)

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO