Nova técnica de preenchiemento permite um rejuvenescimento periocular mais natural e preciso

A redistribuição de gordura, remodelação óssea e mudanças nos tecidos da face são responsáveis pelas alterações que surgem no rosto com o passar da idade

Reprodução


O MD Codes é um mapeamento da face por meio de 8 pontos-chaves, de cada lado do rosto

Todo mundo gosta de sentir bem com a aparência. Mas, com o passar dos anos, o processo natural do envelhecimento e os maus hábitos de vida podem causar várias alterações na face, em especial na região periocular, que dão um aspecto de cansaço e tristeza.

E não estamos falando apenas das rugas. A redistribuição de gordura, remodelação óssea e mudanças nos tecidos da face são responsáveis pelas alterações que surgem no rosto com o passar da idade.

A boa notícia é que com o avanço da medicina estética, hoje já é possível realizar procedimentos minimamente invasivos para ter uma aparência facial mais jovem. E se você está incomodada com a região dos olhos, mas não quer fazer uma cirurgia plástica, vai gostar ainda mais desta novidade.

Segundo Dra. Tatiana Nahas, especialista em Oculoplástica, Chefe do Serviço de Plástica Ocular da Santa Casa de São Paulo, o preenchimento periocular com ácido hialurônico ganhou uma nova técnica, chamada de MD Codes, abreviação para Medical Codes (Códigos Médicos), que promete um resultado mais natural e harmônico, porque leva em consideração a anatomia facial de cada paciente.

“O MD Codes é um mapeamento da face por meio de 8 pontos-chaves, de cada lado do rosto. Assim, são 16 pontos ao todo. O médico irá analisar os pontos e preencher de acordo com a necessidade do paciente, trabalhando especialmente a perda de volume e a alteração do contorno, de forma personalizada”, comenta Dra. Tatiana.

Um diferencial importante desta técnica é que sistematiza o preenchimento, além de contribuir na comunicação entre o médico e o paciente. “Isso porque muitas vezes o que desagrada o paciente não é necessariamente aquilo que precisa ser corrigido”, diz a especialista.

Onde pode ser feito?
O preenchimento, seguindo a técnica do MD Codes, pode ser feito nas olheiras, sobrancelhas, pés de galinha, testa, bochechas, bigode chinês e nas linhas de marionete (que ficam nas laterais do queixo). Este tipo de preenchimento mantém a naturalidade da face, uma vez que considera a anatomia e as proporções faciais de forma individual.

“Quem não quer passar por uma cirurgia plástica, pode realizar o preenchimento com a técnica MD Codes. Mas, o MD Codes também pode ser feito para complementar uma blefaroplastia, por exemplo”, explica Dra. Tatiana.

Duração
Como cada pessoa tem um organismo diferente do outro, a duração do resultado do preenchimento com o MD Codes pode variar de 8 a 18 meses. Depois, é preciso uma avaliação para um novo preenchimento.


Preenchimento é feito no consultório
Outro benefício do preenchimento é que pode ser feito no consultório médico, com anestesia tópica (pomada anestésica). Além disso, o próprio produto aplicado tem anestésico em sua composição, o que torna a aplicação bem tolerada pela maioria dos pacientes.

“O limiar de dor é muito individual. Há pessoas que sentem mais, outras menos. Depois da aplicação, é possível que haja edema (inchaço) e hematomas, que melhoram em duas semanas”, finaliza Dra. Tatiana.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO