Cara a cara com a onça

Expedição Rotas Verdes Brasil faz incursão na Amazônia

Fernando Lara


Rotas verdes 2


DA REDAÇÃO - O documentarista de natureza da Fauna e Flora Documentários, Fernando Lara, está no meio da Floresta Amazônica registrando imagens do que representa a maior biodiversidade do mundo. E foi no meio desta selva gigantesca que Fernando Lara ficou cara a cara com o maior felino das Américas: a onça-pintada. O registro do animal foi o primeiro realizado durante a Rotas Verdes Brasil. A expedição percorre 18.000 km pelo Brasil a bordo de uma motocicleta Honda Bros bicombustível adaptada para o trabalho. O documentarista completa nesta segunda-feira (26), cinco meses de expedição.


O encontro com a onça-pintada ocorreu dia 17, nos limites da Área de Proteção Ambiental (APA) Maroaga, em Presidente Figueiredo, município que fica a 125 quilômetros de Manaus (AM). Foram quase dois dias de caminhada no meio da selva amazônica em busca da onça-pintada. O momento do encontro foi cheio de adrenalina. Fernando Lara ficou a menos de cinco metros do felino.


Fernando Lara


Rotas verdes 3
O documentarista de natureza estava acompanhado do chefe da APA Maroaga, Adevane Araújo, de um policial militar, além de um proprietário de terra e de seu funcionário. “Fomos informamos que este fazendeiro estava colocava armadilhas para matar esta onça depois de ela ter atacado 11 porcos de sua propriedade. No entanto, sugerimos a ele que nos deixasse fazer o manejo do animal na tentativa de afastá-lo da propriedade”, afirma Fernando Lara.


Usando técnicas de rastreamento de animais como análise de pegadas, de cheiro e o uso de uma técnica que imita o esturro da onça-pintada, o grupo seguiu o rastro do felino. Foram quase 48 horas no meio da mata. No momento do encontro, o grupo foi surpreendido pelo fazendeiro, que ordenou ao seu funcionário que atirasse na onça-pintada. Uma grande discussão se iniciou e, no calor da hora, o proprietário de terra chegou a dizer que preferia ser preso a ter que arcar com mais prejuízos provenientes do ataque do felino ao gado de sua fazenda. Felizmente, a discussão foi apaziguada e a onça-pintada seguiu seu caminho sem nenhum ataque.


A caça e a devastação das áreas de habitat natural são os grandes vilões que trazem como consequência o risco de extinção da onça-pintada.


Fernando Lara


Rotas Verdes 5
Roteiro

A APA Maroaga foi a 15ª unidade de conservação da expedição Rotas Verdes Brasil. O local é conhecido pelas cavernas que representam as formações geológicas mais antigas do flanco Norte da Amazônia Brasileira. A área possui uma formação geológica única no mundo e é composta por rochas de formação Nhamundá do Grupo Trombetas dos períodos terciário e quaternário.


Os trabalhos seguem agora para a Reserva Biológica do Uatumã, uma unidade de conservação também da Floresta Amazônica que possui cerca de 1 milhão de hectares. O local entrou recentemente na lista de áreas preservadas da Rotas Verdes Brasil em substituição ao Parque Nacional de Anavilhanas que, infelizmente, não possui barcos para atender a expedição. No estado do Amazonas, a Fauna e Flora Documentários tem o apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e do Centro Estadual de Unidades de Conservação (CEUC), órgão ligado ao Governo do Amazonas.


A expedição Rotas Verdes Brasil é realizada pela Fauna e Flora Documentários, com patrocínio de empresas ipatinguenses, entre elas a Honda Mavimoto, gráfica Art Publish e apoio do Diário do Aço. Acompanhe: www.rotasverdesbrasil.com.br


 

Fernando Lara


Rotas verdes 4
Fernando Lara


Rotas Verdes 6
Fernando Lara


Rotas Verdes 7

Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO