“Loucos Por Você” faz panfletagem em Ipatinga

Wôlmer Ezequiel


Na tarde de ontem, cerca de 30 pessoas fizeram uma mobilização na Praça 1º de Maio

IPATINGA – O Dia Mundial da Saúde Mental, celebrado ontem, foi marcado por uma mobilização feita pela Associação “Loucos Por Você” e a rede municipal de saúde. Na parte da tarde, cerca de 30 pessoas fizeram uma panfletagem na Praça 1° de Maio e uma apresentação cultural. A coordenadora da Associação “Loucos Por Você”, Cirlene Ornelas de Godoy, disse que o tema sugerido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é “Saúde Mental como Prioridade: melhoria do serviço com participação social e cidadania”.

Na avaliação da coordenadora, a nova visão de tratamento de doença mental prevê a inclusão. “Acreditamos que essa é a forma de tratá-los, em lugares abertos substituindo hospitais psiquiátricos, humanizando o serviço e acabando com os manicômios que existem principalmente na cabeça das pessoas. O objetivo dessa mobilização é chamar a atenção da sociedade sobre a importância da melhoria na saúde mental”, declarou.

A psicóloga do Clips (Clínica Psicosocial), Patrícia de Oliveira, explicou que a unidade desenvolve um trabalho multidisciplinar no tratamento de doentes mentais em momentos de crise. Paralelo a isso, a rede faz o acompanhamento intensivo dos pacientes.

“Visamos um tratamento digno, com participação da família. Contamos com a atuação de psicólogos, terapeutas ocupacionais, oficinas terapêuticas, assistência social, enfermeiros e psiquiatras”, informou. Patrícia falou que a data é importante para promover a conscientização da sociedade. “É um dia especial para levar ao conhecimento das pessoas a necessidade de inserir os portadores na sociedade, que deve estar sintonizada com esse modo de enxergá-los”, comentou. 
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO