Mais uma criança morre de dengue hemorrágica

FABRICIANO – A dengue fez mais uma vítima na região, novamente uma criança de cinco anos. Por volta das 16h de ontem, Júlia Soares Perfeito Alves, moradora do Caladinho do Meio, morreu vítima de dengue hemorrágica no Hospital Márcio Cunha (HMC), em Ipatinga. Segundo familiares da menina, ela começou a passar mal na quinta-feira.
 
“Chegamos a levá-la ao Hospital Unimed (em Coronel Fabriciano), e o médico que a atendeu disse que se tratava de uma virose. Mas ela piorou e a levamos para o Hospital Márcio Cunha, onde ficou internada. Hoje (ontem), ela infelizmente não resistiu. O hospital nos informou que o laudo apontou que a morte foi causada por dengue hemorrágica”, revelou uma tia de Júlia. O corpo da menina está sendo velado no Cemitério Vale da Saudade e será enterrado na tarde desta quarta-feira.

Esta é a segunda morte por dengue hemorrágica este ano na região. No dia 10 de abril, Pietra Drumond de Oliveira, de cinco anos, que residia no bairro Bethânia, em Ipatinga, também morreu em virtude do estágio mais perigoso da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO