Marliéria e Jaguaraçu já têm telefonia celular

Divulgação


A cerimônia reuniu prefeitos no Palácio da Liberdade: nova etapa cumprida

DA REDAÇÃO - O presidente da AMVA e prefeito de Belo Oriente, Pietro Chaves (PDT), participou, na manhã de ontem, de solenidade com o governador de Minas Aécio Neves (PSDB) e com a direção nacional e estadual da operadora de telefonia Claro. O evento reuniu os presidentes das associações microrregionais mineiras no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, e serviu para marcar a conclusão de uma das etapas do programa “Minas Comunica”, destinado a levar a telefonia móvel a todas as cidades mineiras. Do Vale do Aço, as cidades de Marliéria e Jaguaraçu foram beneficiadas neste lote, recebendo inclusive um kit celular, que ficará à disposição das Polícias Civil e Militar destas localidades.

O governador salientou que dos 853 municípios mineiros, 412 não possuíam cobertura de telefonia móvel até o ano passado. Para incentivar as concessionárias que operam no Estado a ampliar a cobertura até essas cidades, nas quais vivem mais de 2,5 milhões de pessoas, foi criado o Programa de Universalização do Acesso a Serviços de Telecomunicação de Minas Gerais, conhecido como “Minas Comunica”. “Nossa proposta é levar desenvolvimento a todos os cantos do nosso Estado e não descansaremos enquanto não atingirmos o nosso objetivo”, afirmou o governador.

O programa tem a proposta de garantir que o acesso aos serviços de telefonia móvel e de transmissão de dados esteja disponível nas cidades mineiras em até 18 meses após a assinatura dos contratos com as concessionárias. A Claro é a primeira operadora a concluir os serviços. “Estamos dando uma mostra clara para o Brasil de que, quando há uma junção séria do setor público com a iniciativa privada, quem ganha é a população”, observou Aécio Neves.

Desenvolvimento
Por sua vez, o presidente da AMVA afirmou que o programa é muito importante porque possibilita alavancar o desenvolvimento nos pequenos e médios municípios. “A iniciativa do governo estadual é muito boa, porque faz com que as operadoras se voltem para os pequenos municípios, que também precisam se desenvolver. Sempre que as ações governamentais sinalizarem para o desenvolvimento dos pequenos e médios municípios estaremos presentes”, reforçou Pietro Chaves.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO