Cursos para dois mil jovens

ACS/PMI


Durante os cursos, jovens vão receber material e bolsa mensal de R$ 120

IPATINGA - Mais de duas mil pessoas participaram da reunião organizada pela Prefeitura de Ipatinga para esclarecimentos sobre o programa Juventude Cidadã e regularização da documentação dos inscritos. O encontro, no ginásio Ely Amâncio, no Veneza, contou com a presença do prefeito Sebastião Quintão (PMDB) e de representantes das instituições envolvidas.

Os selecionados assinaram o termo de adesão aos programas de qualificações. Ao todo, são oferecidos 23 cursos para a capacitação de 2.000 jovens entre 16 e 21 anos, e que ainda não trabalharam com carteira assinada. Durante os cursos, com duração de cinco meses, os jovens receberão uniformes, vale-transporte, material didático e uma bolsa de R$ 120 mensais.

O prefeito Sebastião Quintão discursou sobre a importância de qualificar o jovem para atender às novas exigências do mercado de trabalho. “A PMI está atenta à necessidade de preparar o jovem para ocupar as vagas que estão surgindo na região. Assim, vamos evitar que os empregadores busquem mão-de-obra de fora”, disse o prefeito. Com a expansão da Usiminas, até 2010 acredita-se no surgimento de mais de 15 mil postos de trabalho na região.  

Maxsuel Gonçalves, 16 anos, morador do Esperança, fala da sua opção. “Quero me aperfeiçoar pensando no meu futuro. Escolhi fazer o curso de auxiliar administrativo, pois acho que terá mais vaga nessa área”, contou.

A construção do Senai do Vale do Aço, com o incentivo da PMI em quase R$ 1,8 milhão, abrirá 620 vagas. No Senac, serão 560 e na Estação Qualifica mais 820 vagas. A aula inaugural está prevista para o dia 5 de maio.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO