Prefeito anuncia mudanças para desafogar o trânsito

FABRICIANO - Com o objetivo de desafogar o trânsito no Centro de Coronel Fabriciano, o prefeito Chico Simões (PT) anunciou, esta semana, que o pátio de Integração, situado ao lado do Terminal Rodoviário, será transferido para a rua Alberto Scharlet, próximo ao Posto de Saúde do Centro. A nova unidade proporcionará mais conforto aos usuários de ônibus, com o oferecimento de cobertura, bebedouro e banheiro. A Integração é um espaço fechado, onde os passageiros que não dispõem de linhas diametrais (de bairro para bairro) tomam outro ônibus para chegar ao seu destino sem precisar pagar duas passagens. Os ônibus que passam pelo Ponto de Integração trafegam nas linhas radiais (com itinerários Centro-Bairro).

“A licitação para a construção do novo Ponto de Integração já está sendo providenciada. Esta transferência beneficiará os usuários de ônibus que contam uma linha única de um bairro para o outro”, pontua o prefeito.

Conforme Chico Simões, outras medidas serão tomadas para beneficiar os usuários de transporte coletivo, entre eles os portadores de necessidades especiais. Para esse público, haverá ampliação de rampas nas portas de entradas dos ônibus. Em novembro, por exemplo, a AutoTrans, que está comprando a Múltipla, vai implantar estas rampas em cinco ônibus.

“Eu me reuni com as pessoas que fazem parte de um serviço concedido, que é o transporte público, para discutirmos como juntos nós podemos aprimorar o transporte coletivo de Fabriciano, no sentido de não só melhorar o que se tem, mas adaptar também para os portadores de necessidades especiais. Pretendemos, ainda, em um tempo mais curto possível, mudar a Integração de local, mudar a concepção do trânsito, evitar que tenhamos paradas no Centro da cidade, para que elas sejam feitas nos bairros, que terão um centro de apoio. Isso para desafogar essa movimentação excessiva que hoje nós temos no Centro da cidade”, ressalta o prefeito.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO