Alerta contra acidentes

Wôlmer Ezequiel


Estrada de ferro Vitória-Minas. Trânsito ferroviário em áreas urbanas demanda prevenção

IPATINGA - Cortada de ponta a ponta pela estrada de ferro Vitória-Minas, a região do Vale do Aço será alvo, semana que vem, de campanha para sensibilizar as comunidades vizinhas a terem convivência segura com o tráfego ferroviário. As cidades participantes da campanha são Itabira, Ipatinga, Governador Valadares, Aimorés, Coronel Fabriciano, Timóteo, Resplendor, Conselheiro Pena e Tumiritinga, em Minas Gerais. No Espírito Santo são as cidades de Baixo Guandu, Fundão e Cariacica.

No Vale do Aço, são considerados pontos críticos da estrada de ferro as passagens de nível, como a existente na entrada para o Aeroporto de Santana do Paraíso, a ponte entre os bairros Mangueiras (Fabriciano) e Santa Terezinha (Timóteo), a passagem de nível nas proximidades da Ponte Mauá e as travessias de pedestres sobre a linha férrea em Ipabinha de Santana do Paraíso, sob a ponte Mariano Pires, em Coronel Fabriciano, e nas proximidades do bairro Vila Ipanema. 

Além de ações específicas nos bairros margeados pela ferrovia, a empresa proprietária da estrada garante que são desenvolvidas ações práticas, por meio de blitz de segurança em pontos estratégicos ao longo dos trechos urbanos da ferrovia. Quem passa pelos pontos críticos sempre pode observar a presença de guardas ferroviários que se deslocam em motos de trilha para facilitar a fiscalização em locais de difícil acesso.

Há atenção redobrada no trecho entre a área sob a ponte Mariano Pires e o bairro Mangueiras, onde é intenso o trânsito de pedestres e ciclistas a cruzarem a linha de ferro.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO