“Tatu” descoberto no Ceresp de Ipatinga

IPATINGA - Os agentes penitenciários e policiais militares descobriram na tarde de anteontem mais um “tatu” (túnel, na gíria dos presos) no Ceresp. O buraco foi encontrado na cela 9 do bloco B. Outras celas estavam com as grades serradas; possivelmente os presos iriam fugir em massa a qualquer momento. Atualmente o Ceresp está com mais de 500 presos, porém ele foi construído para 120 internos.

O túnel foi encontrado durante uma geral na cadeia. As grades das celas 6 a 9 estavam serradas. Os detentos dessas celas foram distribuídos em outras até ontem, quando o problema foi resolvido pela direção do presídio de Ipatinga. Outros objetos, como serras, também foram apreendidos pelos policiais e agentes durante a revista.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO