Familiares de detentos temem chacina no Ceresp


Familiares dos presos que estariam jurados de morte passaram quase todo o dia em frente ao Fórum
IPATINGA – Vários pais, esposas e namoradas de dez detentos recolhidos no Centro de Remanejamento de Presos (Ceresp) de Ipatinga estiveram ontem em frente ao Fórum para reivindicar a transferência dos apenados para outra cidade. Eles temem que uma chacina vitime os presos, que estariam jurados de morte por outros internos.

Ontem mesmo os familiares protocolaram uma carta na sala da juíza Marly Maria Braga, responsável pela 4ª Vara de Execuções Penais da Comarca de Ipatinga, solicitando a transferência dos presos. A juíza não foi encontrada pela reportagem para falar se os detentos poderão realmente ser transferidos. Segundo Edilza Ramos de Souza, 45 anos, mãe do detento Wesley Ramos Souza, o delegado João Xingó, responsável pela segurança do Ceresp, providenciou a transferência dos dez presos para uma cela à parte.

“Essa medida não é suficiente. Alguns presos estão dispostos a quebrar o cadeado de outras celas e matar nossos filhos. Queremos que eles sejam transferidos para outra cidade”, pede. A reportagem tentou falar com João Xingó, na Delegacia, contudo não foi possível encontrá-lo.

Conforme o conteúdo da carta entregue à juíza Marly Maria Braga, os familiares dos dez detentos que estariam sendo ameaçados não querem que eles sejam transferidos para cadeias de Coronel Fabriciano, Timóteo, Governador Valadares e Caratinga. “Nestas cidades eles estarão expostos aos mesmos riscos”, disse a esposa de um dos presos, que não quis se identificar.

Os nomes dos dez detentos que estariam jurados de morte constam do verso da carta. São eles: Fabiano Quadros Breder, Emilson Maciel de Oliveira, Reginaldo Fernandes da Silva, Thiago Fernandes da Silva, Wesley Ramos Souza, Thiago França Silva, Wemerson Gerônimo, Marcos José Tavares, Jorcely Bernardino de Oliveira e Josafá de Assunção Silva.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO