Descarrilamento de trem mata dezenas de pessoas

PAQUISTÃO (AE-AP) - Ontem, um trem expresso com centenas de passageiros a bordo descarrilou no sul do Paquistão provocando a morte de pelo menos 58 pessoas, informaram autoridades locais. Cerca de 150 pessoas ficaram feridas na tragédia.

O trem viajava de Karachi (sul) para Lahore (leste) quando 12 de seus 16 vagões saíram dos trilhos nas proximidades de Mehrabpur, cerca de 400 quilômetros ao norte de Karachi, a maior cidade do Paquistão.

O descarrilamento obrigou centenas de sobreviventes assustados a abrirem caminho em meio às ferragens em plena escuridão. Até a tarde de ontem, 58 corpos haviam sido levados a três hospitais próximos, disse Mumtaz Ali, da Fundação Edhi, principal serviço privado de emergência do país. O coronel Abbas Malik, um médico do Exército, disse que cerca de 150 pessoas ficaram feridas.

Engenheiros militares usavam dois guindastes e equipamentos de corte de metal para liberar os últimos sobreviventes, entre os quais estava uma menina de aproximadamente três anos com o pé esquerdo ensangüentado.

Dezenas de soldados e policiais ajudaram os feridos e os levaram a ambulâncias próximas enquanto eram observados por centenas de curiosos vindos de povoados próximos.
O descarrilamento ocorreu por volta das 2h locais de ontem. Cerca de 900 pessoas viajavam no trem, a maioria delas voltando para casa para o feriado islâmico de Eid ul-Adha.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO