Borracheiro inabilitado bate moto contra poste e morre

Wellington Fred


O acidente aconteceu no Centro da cidade de Santana do Paraíso

PARAÍSO - Morreu na madrugada de ontem o borracheiro Reginaldo da Silva Bambirra, 18 anos. Inabilitado, o rapaz perdeu o controle da motocicleta que pertencia a um conhecido dele e bateu em alta velocidade contra um poste de iluminação pública da Cemig, na avenida Nélson Pereira, no Centro, em Santana do Paraíso.

Para a família, Reginaldo pode ter sido fechado por outro veículo, fato não confirmado pela perícia, que terá até 30 dias para emitir um parecer sobre o fato.

O acidente ocorreu por volta das 2h de ontem, quando Reginaldo pilotava a moto Yamaha YBR 125, placa GCX-3824, pela avenida Nélson Pereira, sentido ao Centro. Ele atingiu violentamente o poste, destruindo a frente da motocicleta. No impacto, o poste chegou a quebrar na base, conforme verificou o DIÁRIO DO AÇO no local do acidente. Reginaldo teve morte instantânea, tamanha a violência da batida.

Na casa de Reginaldo, na rua Belo Horizonte, no bairro Veraneio, o clima era de consternação. O encarregado de tubulações industriais Laércio Martins, de 42 anos, contou que teve uma premonição de que algo de errado poderia acontecer com o sobrinho. “Pedi a ele para não ir, pois estava preocupado, senti algo ruim”, disse Laércio.

“Estranho”
No entanto, Laércio achou estranho o sobrinho sair de casa numa motocicleta da garota que trabalha no posto de combustíveis e se acidentar com outra. “O dono desta outra moto não tem nem muita amizade com Reginaldo. Dizem que alguém ligou para meu sobrinho ir até ao Centro de Santana do Paraíso. No local do acidente, vi marcas de frenagem. Acredito que alguém fechou a moto em que ele estava”, disse o encarregado.

O corpo de Reginaldo foi velado no cemitério Jardim da Saudade, no bairro Santa Maria, em Timóteo, e o enterro está programado para ocorrer hoje pela manhã. A causa do acidente será investigada pela Polícia Civil de Santana do Paraíso.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO