Tribunal do Júri movimenta Fórum

IPATINGA - A 1ª Vara Criminal da Comarca de Ipatinga cumpriu esta semana mais uma pauta do Tribunal do Júri, presidido pelo juiz Maurício Leitão Linhares. Dois réus foram absolvidos pelo Conselho de Sentença, um condenado e dois julgamentos foram cancelados. Na segunda-feira, o auxiliar de serviços Célio Alves Moura, de 25 anos, foi condenado por tentar matar a facadas a ex-mulher Cláudia Cecília Alves.

A tentativa de homicídio aconteceu após a mulher se negar a manter relações sexuais com o acusado. Ele desferiu 17 facadas contra a vítima no dia 12 de abril de 1998. Ele foi condenado a oito anos de prisão em regime fechado e se encontra recolhido no Centro de Remanejamento de Presos (Ceresp) de Ipatinga.

O segundo julgamento ocorreu na terça-feira, tendo como réu o serralheiro Aldeane Magalhães de Oliveira, o “Dé”, de 21 anos. Ele era acusado de matar a tiros o ajudante Evaldo Leocádio Rocha, o “Quinha”, 29, no dia 18 de fevereiro de 2005. O fato ocorreu em um bar na avenida Selim José de Sales, no Bethânia. A negativa de autoria, apresentada pela defesa, foi acatada pelo Conselho de Sentença por seis votos a um.

Já na quarta-feira, também foi absolvido o réu Adenilson Perácio de Souza. Ele foi julgado pela morte de Wellington Pereira de Souza. O crime ocorreu em um bar, na avenida José Cândido de Meire, no bairro Bethânia, no dia 24 de novembro de 2001. O Conselho de Sentença acatou a tese de legítima defesa.

Cancelamentos
Na quinta-feira, Antônio Lemos de Oliveira, o “Tonho Lemos”, de 33 anos, não foi trazido ao Vale do Aço para ser julgado. O julgamento foi adiado para novembro. Ele está recolhido na Penitenciária de Segurança Máxima Nélson Hungria, em Contagem. Ele responde a um homicídio ocorrido no bairro Forquilha em 20 de abril de 1993.

Outro júri adiado para novembro foi de Elvira Lino Bernardes, que teria matado o marido, o policial militar reformado Geraldo Severino Bernardes. Geraldo morreu a tiros e canivetadas no dia 19 de junho de 1987, na rua Gênesis, no bairro Caçula.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO