Envolvidos em morte de perita são julgados hoje

VALADARES - A Justiça Federal vai julgar hoje os outros dois acusados pelo assassinato da médica-perita do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) de Governador Valadares, Maria Cristina de Souza Felipe. Ela foi morta a tiros por um adolescente em setembro do ano passado, no bairro Ilha dos Araújos, quando saía de casa para o trabalho.

Sentarão no banco dos réus José Alves de Souza, o “Zuza”, e Ricardo Pereira dos Santos, que teria contratado o adolescente para cometer o crime. Eles serão julgados a partir das 8h de hoje, no Salão do Tribunal do Júri da Comarca de Valadares. O crime teria sido encomendado diante da possibilidade de a médica, chefe das perícias médicas, descobrir um suposto esquema de fraudes no INSS da cidade.

Em julho deste ano, o médico Milson de Souza Brige pegou pena de 16 anos de prisão, acusado de ser o mentor do assassinato da perita Maria Cristina. Ele também perdeu o cargo de perito do INSS que ocupava há mais de 30 anos. Os advogados de Milson recorreram da decisão. O adolescente foi internado num centro de internação de Teófilo Otoni.

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO