Empresária morre em acidente em Manhuaçu

Arquivo/DA


A empresária Claret Araújo realizava várias obras assistenciais

IPATINGA - Foi sepultado no fim da tarde de ontem o corpo da empresária Claret de Godoi Araújo Costa, de 34 anos, vítima de um acidente de trânsito durante a noite de quarta-feira, em Manhuaçu. Claret estava no Celta dirigido pela irmã Clécia Angélica de Godoi, de 34 anos, e estavam também no carro outra irmã, Maria Geralda Godoi Almeida, de 48 anos, e Romero Gonçalves Almeida, de 52 anos, que saíram feridos no acidente.

Clécia dirigia o Celta, placas HGH-4651, no Centro de Manhuaçu, saindo da Praça Cordovil Pinto Coelho sentido à rua Coronel José Pedro. O carro trafegava na contramão de direção, conforme dados do 11º Batalhão de Polícia Militar, e foi atingido na lateral pelo ônibus da Viação Caparaó, conduzido por Pedro Batista Conrado Neto, de 35 anos, que transitava sentido ao Centro da cidade para o bairro Engenho da Serra.

No impacto, o carro foi lançado a 40 metros e atingiu um poste da Cemig na rua Monsenhor Gonzalez, destruindo o Celta. Claret e as outras vítimas, que estavam na cidade por causa de um velório, foram retiradas das ferragens pelos bombeiros de Manhuaçu. Claret foi levada para o Pronto-Socorro Municipal, mas não resistiu. Romero e Maria Geralda foram atendidos com vários ferimentos no Hospital César Leite, onde continuam internados. A irmã Clécia recebeu atendimento no Pronto-Socorro.

 O corpo de Claret foi velado na capela do Cemitério Parque Senhora da Paz e enterrado na tarde de ontem. Ela era muito conhecida no meio empresarial com a sua locadora de veículos Lokavip, e realizava várias obras assistenciais. Casada, Claret deixou filhos.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO