Caminhão invade a contramão e atinge quatro veículos

Caminhoneiro atingido por colega na BR-116 morreu preso às ferragens

Enviada WhatsApp Portal Diário do Aço


Acidente, por volta de 9h, na BR-116 em Governador Valadares
Cinco veículos se envolveram em um acidente fatal, por volta das 9h desta sexta-feira, na BR-116, a Rio-Bahia, entre Chonin, distrito de Governador Valadares, e a cidade de Mathias Lobato.

Três caminhões, uma caminhonete e um carro de passeio foram envolvidos no acidente. Com o choque, um dos caminhões saiu da pista e foi parar no meio do mato. A picape também saiu da pista e parou em um córrego. O condutor teve ferimentos leves.

No carro de passeio, estavam 4 pessoas, que tiveram ferimentos leves e foram socorridas por motoristas em trânsito pelo local do acidente e as levaram para o hospital em Governador Valadares.

O motorista de um dos caminhões, que transportava um bloco de granito, morreu na hora e ficou preso nas ferragens. O corpo foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros.

Conforme os primeiros levantamentos, o caminhão com a pedra, com placas de Baixo Guandu (ES) trafegava sentido a Governador Valadares.

Na mesma direção, estavam outro caminhão, a caminhonete e o carro de passeio. Já um caminhão com carga variada, como instrumentos musicais, artigos de papelaria, sapatos e remédios, trafegava rumo a Teófilo Otoni e é apontado por testemunhas e sobreviventes como o causador do acidente.

O motorista Geovane Morais, de 45 anos, que conduzia um caminhão com uma carga de polietileno, de Recife (PE) para São Paulo (SP) relatou o que conseguia se lembrar do acidente:

“O meu caminhão, o caminhão do bloco de pedra, a caminhonete e o carro pequeno vínhamos na direção de Governador Valadares. O caminhão com instrumentos musicais vinha na direção contrária. Aí, do nada, invadiu a contramão, bateu e passou por cima do caminhão do bloco de pedra. Matou o outro pai de família na hora, coitado”.

A perícia da Polícia Civil deverá definir as causas do acidente, mas a suspeita é que o condutor que trafegava no sentido contrário tenha dormido ao volante. O motorista, identificado como Nilo Montanare Filho, teve ferimentos variados pelo corpo e foi socorrido ainda no local da colisão.

Entre as pessoas que passaram de carro pelo trecho do acidente, muitas decidiram carregar parte da carga de equipamentos musicais e artigos de papelaria. Violões, caixas de medicamentos e pares de botinas eram levadas sem a menor preocupação.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO