Startup do Vale do Aço é destaque em feira internacional

Alunos do CEFET-MG campus de Timóteo, foram convidados para ministrar palestra, na segunda maior conferência de software livre do mundo

Divulgação


Equipe da startup A2Portais durante o trabalho
Três formandos em Engenharia de Computação, pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais, o CEFET-MG Campus Timóteo, são destaques na 13ª Conferência Latino-americana de Software Livre, a Latinoware, um dos maiores eventos do mundo sobre o assunto.

Athos Ferreira, Leonardo Kennedy e Thiago Gouveia desenvolveram um programa de computador baseado em software livre como Trabalho de Conclusão de Curso e vislumbraram um grande nicho de mercado. A startup A2Portais nasceu a três anos, focada em estabelecimentos de entretenimento e lazer. Agora, a empresa amplia o serviço para outros tipos de clientes.

De acordo com o professor orientador do CEFET-MG, Aléssio Miranda, “a empresa atua em três linhas: sites de vendas online, marketing nas redes sociais e gestão de negócios. Todos os produtos são desenvolvidos com bases de software com licenças abertas”.

O professor explica que “o serviço prestado automatiza e integra os sistemas, o que facilita o trabalho dos empreendedores. Um grande exemplo é a questão das promoções no Facebook, atualmente, muitas empresas lançam ofertas que dependem de ações dos usuários. Este sistema informa automaticamente quem participou da promoção, quem faz alguma atividade em prol da empresa na rede social”.

Este ano, os jovens empresários darão uma palestra sobre o novo empreendimento sediado no Vale do Aço, que também possui clientes em capitais como Belo Horizonte e Curitiba. Para um dos sócios, Leonardo, estar no evento é um símbolo de reconhecimento. “Apresentar em uma feira tão grande como esta é satisfação enorme. É muito importante falar do nosso trabalho e da nossa região”, afirma.

Leonardo também destaca o incentivo aos alunos dado pela instituição. “O CEFET sempre nos apoiou para criarmos nossas próprias ideias, termos as nossas próprias empresas. Tanto nas questões de disciplinas que são bem voltadas para o mercado de trabalho, tanto fora das salas de aulas. Os alunos sempre participam de diversos eventos, inclusive da Latinoware”, destaca.

Para o professor, trabalhar com os softwares gratuitos é uma tendência mundial e que o Brasil também segue. “Cada vez mais, as empresas buscam este tipo de software. O Governo Federal incentivou muito a utilização destas tecnologias, uma vez que diminui o custo, por não precisar pagar por licenças, e também, estes programas são mais transparentes e seguros”.

Segundo Leonardo, outra vantagem dos programas livres é a constante atualização. “Nós temos uma porção de ferramentas gratuitas, que são atualizadas a todo o momento, uma vez que são abertas para toda a comunidade, isso torna o software mais robusto e com uma segurança extra”, salienta.

Leonardo ressalta que estes programas também criam um senso colaboração em todo o planeta. “As soluções que criamos utilizando software livres devem ser, por questão de ética e missão, repassadas para a comunidade global de forma gratuita e aberta”, conclui.

A startup A2Portais tem sede na cidade de Coronel Fabriciano, Rua São Sebastião, nº322, Bairro Santa Helena. O número de telefone de contato da empresa é 3846-7100. Também é possível entrar em contato por meio do site da empresa www.a2portais.com.br.


Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO