Fábrica de armas e munições explode, em JF

O paiol da Imbel, em Juiz de Fora, explodiu na noite de terça-feira (16). O galpão ficou completamente destruído.

Reprodução


Moradores ficaram assustados com a explosão da Imbel
Uma explosão em uma fábrica da Indústria de Material Bélico do Brasil (Imbel) no fim da noite de ontem (16) assustou moradores de Juiz de Fora (MG). O impacto foi sentido no interior das casas dos bairros Araújo e Benfica, os mais próximos ao local. Algumas residências tiveram danos em portas e janelas.

A explosão ocorreu às 23h30 em um depósito de munições, que ficou completamente destruído. De acordo com o Corpo de Bombeiros da cidade, não houve mortos ou feridos. Nas redes sociais, moradores de Juiz de Fora postaram um vídeo gravado depois do acontecimento.

Após o episódio, um depósito de materiais químicos da fábrica começou a pegar fogo, mas o incêndio foi controlado. Houve danos em bombas de ácido sulfúrico. Outros dois depósitos de munição ao lado do que explodiu tiveram apenas pequenas avarias.

Normas

A Imbel é um empresa estatal vinculada ao Exército brasileiro e ao Ministério da Defesa. Um drone do Exército está sendo usado para verificar a extensão dos danos.

Em nota, a Imbel esclareceu que a instalação está localizada em área afastada de locais de circulação de pessoas e da área urbana e que foi construída em conformidade com as normas técnicas vigentes.

"Foi determinada a abertura de inquérito técnico-administrativo interno, a fim de apontar as causas do acidente. A Imbel está tomando as medidas necessárias ao restabelecimento da normalidade e tranquiliza a população", acrescentou o texto, que também reiterou o compromisso com a segurança dos empregados.
Encontrou um erro, ou quer sugerir uma notícia? Fale com o editor: falecomoeditor@diariodoaco.com.br

Comentários

Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.

ENVIE O SEU COMENTÁRIO