07/12/2018 06:23:00

Belo Oriente paga 13º aos servidores hoje

O governo informa que o pagamento do 13º salário representa uma injeção de mais de R$ 2,1 milhões no mercado local



Divulgação


O pagamento do benefício representa uma injeção de mais de R$ 2,1 milhões no mercado local

A administração municipal de Belo Oriente confirma para essa sexta-feira (7) o pagamento integral do 13º salário do funcionalismo público. O prefeito Hamilton Rômulo de Menezes Carvalho informou que os valores estarão disponíveis hoje, para todos os servidores.

O governo informa que o pagamento do 13º salário representa uma injeção de mais de R$ 2,1 milhões no mercado local. A folha bruta dos servidores, com encargos, ultrapassa os R$ 3 milhões. “É preciso agradecer à nossa equipe de governo, em especial ao secretário de Finanças e Contadoria, Vicente Júnior Soares Carvalho, por chegarmos ao fim do ano podendo dar essa boa notícia aos nossos servidores. Como todos os municípios mineiros, enfrentamos uma séria crise financeira, mas foi com responsabilidade e competência que estamos conseguindo superar esse momento”, destacou o prefeito.

Hamilton Rômulo lembrou que foi preciso esforço e economia para assegurar o pagamento em dia. Até mesmo os servidores que recebem por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) estão com seus salários em dia, apesar de o estado não repassar esses valores.

Gestão competente

O secretário de Finanças e Contadoria, Vicente Júnior, disse que foi preciso muito sacrifício para cumprir as obrigações com os servidores e com os compromissos da prefeitura. “Fizemos economia em todos os setores e adiamos alguns projetos, pois nossa maior preocupação era com o funcionalismo”, explicou, reforçando que os fornecedores também estão com seus pagamentos em dia.

O secretário lembrou ainda que a prefeitura tomou todas as providências para receber os recursos que estão sendo confiscados pelo estado. “Nem uma liminar alcançada na Justiça fez com que recebêssemos. É impossível manter esse cenário. Torcemos para que isso volte à normalidade com o novo governo, porque está insustentável essa situação”, frisou Vicente Júnior, adiantando que a preocupação agora é assegurar o pagamento de dezembro. Segundo levantamento recente da Associação Mineira de Municípios, a dívida do estado com Belo Oriente já ultrapassa os R$ 13,5 milhões. Confira no gráfico.



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário