03/12/2018 10:20:00

Zele por sua audição durante as viagens aéreas

A pressão causada pela rápida mudança de altitude pode ser um problema; saiba quais cuidados tomar nas viagens de avião, especialmente se você tem perda auditiva



Reprodução


As idas e vindas de avião costumam causar incômodo e zumbido nos ouvidos de muitos viajantes

O verão e as festas de fim de ano estão chegando e esta é a época preferida de férias por muitas pessoas. E nada melhor nas férias do que viajar! Mas se a viagem for de avião, é preciso tomar alguns cuidados, especialmente aquelas pessoas que têm problemas de audição. As idas e vindas de avião costumam causar incômodo e zumbido nos ouvidos de muitos viajantes e, para quem usa aparelhos auditivos, o desconforto pode ser ainda maior. Por isso, preste atenção nas dicas da fonoaudióloga Isabela Papera, da Telex Soluções Auditivas.

- Durante o vôo, os velhos truques de bocejar, engolir saliva e mastigar chiclete ajudam bastante a ‘desentupir’ o ouvido. Faça esses movimentos para que a Trompa de Eustáquio se abra e feche, mantendo assim o equilíbrio da pressão do ar entre os dois lados da membrana do tímpano, aliviando o incômodo e um possível zumbido.

- Se estiver resfriado, com rinite ou congestão nasal, o entupimento dos ouvidos pode ser ainda maior. Aplique soro fisiológico no nariz durante a viagem para diminuir as secreções e o desconforto.

- Quem tem problemas de audição deve escolher um assento na lateral do avião oposto ao seu ouvido com melhor escuta. Por exemplo, se você ouve melhor com o ouvido direito, escolha um assento na janela da fileira esquerda; assim você pode escutar melhor as recomendações e serviços da companhia área.

- Para evitar dores no ouvido, é importante usar os aparelhos auditivos a cada pouso e decolagem. O incômodo nas viagens aéreas ocorre pela rápida mudança de altitude, com o avião em geral atingindo entre 10 e 12 mil metros. Assim é possível também compreender todas as orientações dos comissários de bordo.

- Sempre que possível, escolha assentos longe dos motores, que ficam no final da aeronave, onde há mais ruído.

"Um cuidado muito importante para os viajantes que usam aparelhos auditivos é não esquecer de levar o desumidificador e de colocar seu aparelho nele durante a noite, garantindo assim uma boa vida útil ao equipamento. Leve sempre também um bom estoque de pilhas, e em mais de uma bolsa, para garantir que, mesmo que alguma se perca, você possa continuar ouvindo bem durante toda a viagem", aconselha a fonoaudióloga Isabela Papera, que é especialista em audiologia.

O usuário de aparelho auditivo também tem agora mais facilidades para viajar sozinho, graças ao auxílio das novas tecnologias. O aparelho auditivo modelo Oticon Opn, por exemplo, comercializado pela Telex, se conecta com mais de 280 tipos de serviços de internet que estejam em nuvem. Assim, ao receber um e-mail de companhia de viagens, por exemplo, o usuário não precisa recorrer ao celular para checar as mensagens. Ele pode programar o aplicativo do Opn para receber o conteúdo das mensagens de modo sonoro, direto no seu aparelho auditivo. Isso pode ser feito também para alarmes, despertador e notificações de redes sociais, tornando a viagem ainda mais fácil e agradável.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário