07/11/2018 16:58:00

Homem de 49 anos é executado a tiros em Antônio Dias

Suspeito do assassinato já foi detido, nega o crime, mas entra em contradição



Enviada por leitor


A perícia da Polícia Civil recolheu no bolso da vítima documentos e a quantia de R$ 74

Um homem foi morto depois de sair do trabalho, a caminho de casa, no começo da manhã dessa quarta-feira. Testemunhas dizem que Arlindo de Sá Paulo, de 49 anos, tinha trabalhado à noite como vigia na Construtora Brasil, que atua nas obras de duplicação da BR-381 e, ao voltar para sua residência, no Córrego Santa Cruz, em Antônio Dias foi executada. O corpo de Arlindo foi encontrado caído em uma estrada, ao lado de sua motocicleta, uma Honda Bros vermelha, em uma subida. O Diário do Aço apurou que, próximo ao corpo também foram recolhidas três cápsulas de pistola calibre 9mm. A perícia da Polícia Civil recolheu no bolso da vítima documentos e a quantia de R$ 74.

Uma testemunha informou que Arlindo já tinha registrado queixa na Delegacia de Polícia Civil, reclamando de ameaças de morte. O denunciado era o seu vizinho e cunhado, um homem de 43 anos.

Questionada, a mulher de Arlindo confirmou as informações das ameaças e disse que tema por sua vida e de seu filho.
O suspeito do crime, Wilson de Oliveira Silva foi encontrado por policiais militares em sua residência. Wilson negou a autoria do crime e alegou que na manhã dessa quarta-feira não saiu de casa. Testemunhas, entretanto, o desmentem e afirmam que ele foi visto em seu carro, circulando pela estrada onde Arlindo foi encontrado morto, por volta de 7h30.

Wilson afirmou que tinha deixado o carro em uma oficina em Coronel Fabriciano. O veículo, uma picape Chevrolet Montana, entretanto, foi encontrada nas proximidades por policiais militares. Diante da suspeita, o acusado foi detido e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil. A motivação do crime ainda é apurada.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Palhaço

09 de Novembro, 2018 | 11:35
O outro não esta limpando nem a porta dele, fica abrindo boca falando que vai Limpar Antonio Dias. Acho e graças desses moleques que ficam atras de redes socias. Cresce primeiro moleque.

Justiceiro Calibre 556

08 de Novembro, 2018 | 10:46
O jeito é eu entrar em acao e começar a fazer uma limpa ai em Antonio dias ....na hora q começar a eliminar traía ruim,fui eu ok.

Justiça

07 de Novembro, 2018 | 21:58
Com certeza ele foi o executor do crime senão fosse não mentiria e entraria em contradição

Juninho

07 de Novembro, 2018 | 21:52
Tomara que pegue esse vagabundo, esse Wilson de Oliveira Silva, traficante que aliciou vários moleques ai de Santa Cruz (zona Rural de Antonio Dias). Além de caça proibida, uso e comercio de drogas, faz o cultivo da maconha em uma dessas terras. Espera-se que a Polícia Civil, tenha feito uma pericia para vestígio de pólvora no suspeito.
Envie o seu Comentário