06/11/2018 17:50:00

Golpista usava nome de Nardyello Rocha para suposta compra de carros

O delegado Eduardo Vinícius, responsável pela investigação, afirma que a identidade do estelionatário ainda não foi descoberta, mas a PC já atua neste sentido



Divulgação


Na conversa com vítimas, estelionatário deixava claro que era o prefeito de Ipatinga

A Polícia Civil foi acionada pela equipe da Administração Municipal de Ipatinga e por um policial militar que identificaram uma tentativa de golpe de estelionato com o uso do nome do prefeito de Ipatinga, Nardyello Rocha, na tarde de terça-feira (6). As negociações eram feitas por meio de aplicativos de mensagens.

O delegado Eduardo Vinícius, responsável pela investigação, afirma que a identidade do estelionatário ainda não foi descoberta, mas a PC já atua neste sentido. “O golpista possivelmente é paulista, pelo sotaque identificado nas mensagens de voz enviadas para as vítimas. Talvez, este homem esteja agindo até mesmo atrás das grades. Iremos rastrear o número de telefone, é um trabalho muito difícil, mas esta é a nossa tarefa”, salientou Eduardo, em entrevista ao Diário do Aço.

O delegado informou que o golpista atuava como um mediador entre o possível comprador e vendedor do veículo. Golpes dessa natureza são comuns na região e já fizeram várias vítimas, entretanto, é a primeira vez que usava o nome de uma autoridade. “Este é um golpe bastante conhecido. O criminoso pegava as informações de anúncios verdadeiros de venda de carros e passava a negociar este veículo com um terceiro como se fosse o prefeito de Ipatinga”, informa o delegado.
Wôlmer Ezequiel


O delegado Eduardo Vinicius explicou que golpista se apresentava como o prefeito de Ipatinga para as vítimas

Após o contato com as partes, o estelionatário informava o valor de entrada que deveria ser depositado em uma conta, como explica o delegado. “A intenção do golpista era que a negociação evoluísse até o suposto comprador efetuar um pagamento, não para o proprietário do veículo, mas para o estelionatário. Tanto o comprador quanto o verdadeiro vendedor do veículo iriam ficar lesados”, pontua a Eduardo.

O delegado alerta para que ofertas muito diferentes do mercado sejam bem avaliadas. “As mídias sociais são muito importantes na nossa sociedade. Mas, para este tipo de negócio, deve ter muita atenção e a tramitação deve ser feita registrada em cartório. Devemos sempre desconfiar quando alguém aparece com uma proposta muito boa, produtos com preços bem abaixo do mercado. A identificação deste ato, esta é a resposta da Polícia Civil de Ipatinga aos golpistas que querem a agir”, conclui o delegado.


Veja outros casos:
Golpe da venda de carro lesa jovem em R$ 6,5 mil
Casal é vítima de golpe em negociação de carro usado

Golpista usava nome de Nardyello Rocha para suposta compra de carros


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Alice Barreto

07 de Novembro, 2018 | 22:30
Me passaram golpe fingindo curso , e estou com todo meu sistema invadido faz nove meses .
Fui na delegacia mas disseram que aqui n'a se investiga estas coisas, estes crimes , e o delegado falou nesta reportagem que [e dificil rastrear os IDs de telefones, mas as operadoras, que tem muitos bandidos disfar;ados de empregados , creio que sejam obrigadas a dar noticia onde , em que locais o chip andou , qual seu ID , e local onde estava no momento dos golpes , pelo GPS.

O psicopata que matou a parentela em PIOZ , Espanha , foi descoberto naquele local em pouco tempo . Creio que falta saber das responsabilidades das operadoras e vou ter de estudar este assunto para achar o que a lei determina sobre tais responsabilidades.
Mas de cara, a coisa mostra que pelo menos em termos de serem suficientes na tecnologia , os obriga a cuidar disto para o consumidor.
Ou cuidam ou pagam os danos , inclusive morais, pois a coisa vira um terror !

Joao

07 de Novembro, 2018 | 21:40
vão esperar abaixar a poeira e voltam a realizar novos golpes em nome de outras pessoas conhecidas e que passam credibilidade na sociedade

Ademir Silva

07 de Novembro, 2018 | 13:33
esse bandido é bobo mesmo, quando o povo vê que é politico que tá vendendo já desconfia que vai ser passado pra trás.

Eleitora

07 de Novembro, 2018 | 08:21
Este golpista é muito ingênuo ou é burro mesmo! Onde já se viu aplicar um golpe usando nome de político, que é a classe q existe mais criminosos! E mais burro ainda quem cai!

Wirlaile

06 de Novembro, 2018 | 18:39
Esse cara tentou comprar meu caminhão usando o nome do nardielo e depois de umas horas o anunciou por quase quarenta por cento mais barato usando o nome do prefeito quando descobri fiz uma denúncia do mesmo no olx e foi retirado o anúncio dele
Envie o seu Comentário