11/10/2018 16:16:00

AAPI presta cerca de 10 mil consultas médicas por mês

Na média, por semana, os 67 médicos da associação atenderam 2.373 pacientes, quase 500 consultas/dia



Divulgação


Associação dos Aposentados e Pensionistas investiu na contratação e chega a quase 70 médicos em atendimento

A Associação dos Aposentados e Pensionistas de Ipatinga (AAPI) chegou a quase 10 mil consultas médicas por mês, informa a assessoria da empresa. No último relatório mensal, de 1º de setembro a 3 de outubro de 2018 foram 9.494 atendimentos distribuídos entre as quatros unidades da associação. Na média, por semana, os 67 médicos da associação atenderam 2.373 pacientes, quase 500 consultas/dia.

O relatório da diretoria de saúde mostra que os casos para cardiologia, ginecologia, geriatria, ortopedia, urologia e otorrinolaringologia estão entre as especialidades mais procuradas. Outro dado que chama a atenção é o aumento do número de pacientes que comparecem aos consultórios de psicólogos e psiquiatras. O balanço não conta as sessões disponibilizadas no centro de atendimento fisioterápico no bairro Cidade Nobre.

Descentralização

A AAPI também informa que aumentou o quadro efetivo de médicos e outros profissionais da área de saúde com o objetivo de diminuir a fila de espera. Outra justificativa foi a recente inauguração da unidade IV localizada no bairro Cidade Nobre, que consolidou o processo de descentralização do atendimento. Os diretores da área de saúde informam que o próximo passo é diminuir o número de pacientes que não comparecem às consultas agendadas. “Quem marca e não vai consultar ocupa o lugar de alguém que, normalmente, precisa mais do médico naquele momento, e acaba penalizado", disse Elias Caetano, presidente da AAPI.

Faltas

Com o objetivo de acabar com as faltas, a diretoria de saúde da AAPI trabalha na conscientização dos associados. Atualmente, o sistema de marcação bloqueia automaticamente o usuário que não comparecer ao consultório, até que o mesmo faça uma nova solicitação. De setembro a outubro, 720 associados não compareceram às consultas, causando prejuízos aos que realmente necessitam do atendimento médico.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário