10/08/2018 07:20:00

Dia dos Pais deve movimentar o comércio neste fim de semana

Para atender a demanda dos consumidores, os estabelecimentos comerciais funcionarão em horário especial



Divulgação


Polos comerciais de Ipatinga devem ficar mais movimentados nos próximos dias com vendas do Dia dos Paisd

Neste domingo (12) será celebrado o Dia dos Pais. A data é marcada pela troca de presentes e almoços fartos com os familiares. Por isso, os polos comerciais de Ipatinga devem ficar ainda mais movimentados neste fim de semana. Para atender a demanda dos consumidores, os estabelecimentos comerciais funcionarão em horário especial.

Nesta sexta-feira (9), as lojas abrem às 9h e só vão fechar as portas às 20h. Já no sábado (10), o horário do expediente será das 9h às 17h. Para o presidente da Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e de Prestação de Serviços de Ipatinga (Aciapi), Cláudio Zambaldi, o horário estendido deve contemplar mais pessoas que desejam comprar na cidade.

“Pessoas que costumam trabalhar em horário comercial terão a possibilidade de sair do serviço e realizar as suas compras. As lojas e demais estabelecimentos de Ipatinga estão preparados para receber o cliente até mais tarde e atender todas as necessidades. Não vai ter desculpa para não presentear os pais”, destaca Cláudio.

De acordo com o levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a expectativa é que a data gire uma quantia aproximada de R$ 13,9 bilhões nos setores de comércio e serviços. A média de gastos com o presente é de R$ 149,70. A pesquisa ainda aponta que os itens mais procurados para agradar os pais devem ser as roupas (50%). Em seguida, aparecem os perfumes e cosméticos (32%), calçados (28%) e acessórios (27%), como cintos, carteiras, relógios e meias.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Ipatinga, José Carlos de Alvarenga, afirma que a tendência de consumo durante as datas comemorativas tem apresentado crescimento. “Mesmo com os efeitos da vagarosa recuperação econômica, estas celebrações têm um forte apelo emocional. Segundo a análise do SPC e CNDL, 61% dos consumidores pretendem comprar. Ano passado, esse índice foi de 55%. Os resultados estão melhorando e indicam meses mais prósperos para o varejo”, avalia José Carlos.



Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário