05/06/2018 11:07:00

Feira Regional do Mel

Evento em cidade do Norte de Minas reuniu apicultores e especialistas



ACS Codevasf


A abelha, fonte de vida e de rendimentos
A apicultura é um dos melhores investimentos de caráter social e gerador de renda no município, onde o índice de desemprego na zona rural é muito grande”. Assim a presidente da Associação Rural Apícola de Januária (Arajan), Luciana Patrícia Américo, explicou o que impulsionou a 1ª Feira Regional do Mel realizada naquela cidade na última semana de maio.

Antes de realizar o evento, a Arajan fez uma pesquisa não só entre os apicultores januarenses, mas também e, principalmente, com várias pessoas da cidade, notadamente do comércio varejista local, quando foi detectada que a atividade apícola é pouco conhecida no município.

ACS Codevasf


A coleta nas colmeias segue todos os cuidados
A produção de mel em Januária, beneficiada e comercializada em 2017, foi de 50 toneladas retiradas de mais de 2.500 colmeias, o que rendeu mais de R$ 1 milhão aos 70 associados. Esses números, com o sucesso alcançado com a alta produção e boa comercialização, deverão aumentar significativamente com a adesão de novos apicultores ainda neste ano.

A apicultura em Januária foi impulsionada com a construção e aparelhamento da Unidade de Beneficiamento de Mel pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em parceria com outros órgãos governamentais e não governamentais.

ACS Codevasf


O mais puro mel é envasado e comercializado
Para a economista doméstica da Codevasf em Minas Gerais, Cleonice Elias dos Santos, a capacitação dos pequenos produtores rurais com cursos, palestras e seminários, aliada à distribuição de todo os equipamentos necessários para essa atividade produtiva, deram a confiança e a certeza de que seriam apoiados pelo Governo Federal e seus parceiros.

O superintendente da Codevasf em Minas Gerais, Rodrigo Rodrigues, afirma que a apicultura em Januária saiu de uma atividade com exploração amadora para outra mais profissionalizada. “Com o beneficiamento e envasamento do mel, ficou mais fácil a comercialização pela Arajan, que conseguiu, junto à vigilância sanitária, o Registro de Certificação do mel produzido e distribuído pela entidade”, afirma o dirigente.

A 1ª Feira Regional do Mel de Januária disponibilizou um espaço reservado às crianças, que puderam participar de diversas brincadeiras e teatro com o tema apícola. Além da comercialização do mel com preços simbólicos, nutricionistas fizeram explanações sobre a importância do produto na alimentação. Também foram ministradas palestras sobre a comercialização do mel de abelha na região e a importância do seu uso na merenda escolar.
Mais informações: http://www.codevasf.gov.br.


Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Envie o seu Comentário