03/06/2018 17:40:00

Nardyello Rocha vence eleição para prefeito de Ipatinga

Apuração oficial foi concluída pelo Tribunal Superior Eleitoral às 19h05; abstenções superaram votação do vencedor da eleição extemporânea



Com 34.697 votos (36,33% dos votos válidos), Nardyello Rocha (MDB) foi eleito prefeito de Ipatinga neste domingo (3), na eleição extemporânea. Na votação, 123.070 eleitores foram às urnas para escolher prefeito e vice-prefeito.

De acordo com os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o segundo colocado foi Daniel Cristiano (PCB), que obteve 19.316 votos (20,22%); em terceiro aparece Wanderson Gandra (PSC), 19.298 (20,21%). Sávio Tarso (PDT) é o quarto colocado, com 13.714 (14,36%) e Lene Teixeira (PT), 8.485 votos (8,88%) ficou na última colocação.

Em pronunciamento após o resultado da eleição, Nardyello Rocha agradeceu a cada um que dos participantes de sua campanha e afirmou que Ipatinga irá voltar a crescer com a ajuda da população. “Tenho orgulho da minha cidade e vou trabalhar por ela. Quem quiser vir ajudar, será bem-vindo. Eu tive muitas experiências nessa trajetória. Foi uma luta que não foi fácil. Foi muito difícil ganhar essa eleição, mas ela foi sustentada por Deus e pelos cidadãos. A minha missão é fazer com que os eleitores que não foram às urnas, porque ficaram descrentes com a política, tenham orgulho em votar de novo”, salienta.

Nardyello também lembrou que durante a eleição, muitas pessoas citaram que seu partido estava desgastado. No entanto, ele destacou que os eleitores compreenderam como possível uma mudança na cidade. “O povo entendeu que aqui em Ipatinga começava uma nova era, que vai ter os seus líderes participando de todo processo político. Um novo governo que vai ter, acima de tudo, a responsabilidade na hora de dar a canetada final e de cuidar de Ipatinga”, reitera.

O prefeito também garantiu que a prefeitura estará de portas abertas para a população. “Quero ter a honra de recebê-los. E quero dizer que essa vitória não só do 15. Essa vitória é do povo de Ipatinga. E eu vou cuidar dessa cidade. Amanhã já quero trabalhar. Então conto com cada um”, ressalta.

Diplomação e posse

A diplomação e a posse do prefeito e vice-prefeito eleitos devem ser realizadas em uma única solenidade no dia 21 de junho. Inicialmente a data era 22 de junho, mas nessa data haverá um jogo da Seleção Brasileira, válido pelo Mundial de Futebol. Com isso, a solenidade deverá ser antecipada em um dia.

Resultado oficial da votação na eleição extemporãnea em Ipatinga:

Nardyello Rocha – 34.697 votos (36,33%)
Daniel Cristiano – 19.316 votos (20,22%)
Wanderson Gandra – 19.298 votos (20,21%)
Sávio Tarso – 13.714 votos (14,36%)
Lene Teixeira –8.485 votos (8,88%)

Urnas totalizadas: 536 (100%)
Comparecimento: 123.070 eleitores (68,29%)
Votos válidos: 95.510 (77,61%)
Abstenção: 57.152 (31,71%)
Nulos: 21.328 (17,33%)
Brancos: 6.232 (5,06%)

Abstenções superaram votação do vencedor

O número de pessoas que deixou de votar, entretanto, superou a votação do vencedor da disputa. A abstenção de votos foi de 57.152 (31,71% do eleitorado). Já o número de votos nulos alcançou 21.328 (17,33%), enquanto brancos ficou em 6.232 (5,06%).
O município contou com 536 seções eleitorais, distribuídas por 58 locais de votação. Foram utilizadas 536 urnas eletrônicas e 23 de contingência. Mais de 2 mil mesários foram convocados para organizar a votação.

Wôlmer Ezequiel

Nardyello Rocha, ao votar na manhã desse domingo


Mais:
Eleitores ipatinguenses esperam mudança e estabilidade política após eleição
Educação política a partir da infância
Como votaram os candidatos na eleição extemporânea em Ipatinga
Com 79 anos, aposentado faz questão de votar

Mais duas cidades mineiras elegem prefeito

Além de Ipatinga, outros 19 municípios brasileiros e o estado de Tocantins tiveram eleição suplementar para a escolha de novos prefeitos e do governador. Em Minas Gerais, além de Ipatinga, outras duas cidades elegeram o chefe do Executivo neste domingo (3).

No município de Guanhães, localizado no Vale do Rio Doce, foram computados 16.652 votos e foi eleita a Dorinha da Farmácia (PDT) com 40,54% dos votos válidos. Em Pocrane, situada na região do Caparaó, foram registrados 5.576 votos e Ernane (PTB) foi o prefeito eleito com 55,61%. No estado do Tocantins, a eleição suplementar terá segundo turno, que será disputado por Mauro Carlesse (PHS), que foi o mais votado, e Vicentino Alves (PR), o segundo mais votado.

Resultado do TSE confirma vitória de Nardyello Rocha





Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Luiz

06 de Junho, 2018 | 14:03
Vejo que muita gente fala as coisas sem pesquisar, ouvi alguém falar e sai proliferando noticiais inveridicas.

Taxa de lixo: Nardyello não votou nem a favor nem contra, pois ele é o voto de minerva, ou seja somente iria votar em caso de empate.

Ipatingao: Uma de suas propostas era de privatizar o estádio tornando uma arena multiuso, ou seja, ele avisou antes.

IPTU: Vai aumentar sim, a prefeitura recadastrou os imóveis e constatou que houve modificações nesses, lembrando que quem autorizou o recadastro foi a então prefeita cecilia ferramenta. Portando cabe a ele (naedyello) cumprir, caso não faça ele incorre na lei de responsabilidade.

Souza

05 de Junho, 2018 | 08:10
Nardielo terá dois anos de mandato para devolver aos investidores de sua campanha o valor investido com juros e correção, é horto de ajudar os ernanos, dar o ipatingão para arena dentre outros, vamos aguardar......

Oliveira

04 de Junho, 2018 | 19:47
Este nobre edil votou a favor do aumento da taxa de lixo e consequentemente o aumento do IPTU. O povo deveria evitar votar em figuras conhecidas no meio político que não acrescenta nada de novo, como os nobres vereadores da Câmara de Ipatinga. É hora de retirar todos eles. Que erremos por arriscarmos e não por nos omitir. Fala sério!!!

Gelcimar Peixoto

04 de Junho, 2018 | 19:14
como cidadão da cidade de ipatinga, espero que nao seja mais um pra ir para a ficha suja, pois estamos cansados de sair de casa para eleger ladrões, porque se os politicos tirassem a obrigatoriedade de votar, eles iam ver como o eleitor ia fazer no dia do voto. nao votei nele, mas peço a Deus que o faça um excelente prefeito para a cidade crescer em paz, cidadania e respeito para com os eleitores. e ainda que a cidade cresça em oportunidades de empregos e geraçoes de rendas. e viva a democracia. Esperamos que o eleitor entendeu o que os caminhoeiros fizeram para ajudar o povo, entao vamos fazer o mesmo nas urnas para a eleiçao de presidiario dente, de putadas, sena dor , e governa a dor do cidadao brasileiro.

Tinaná

04 de Junho, 2018 | 17:18
Fala moçada, valeu pelo voto de confiança no ex camisa 10 aqui, pode preparar a vaselina que a jiripoca vai piar na nossa city...#vaitercomplementaçãosim

Ademir Silva

04 de Junho, 2018 | 17:16
viva o ti náná que voltou com a minha complementação, vitoria mais que merecida, agora só falta ele fichar minha filha la na prefeitura....

João

04 de Junho, 2018 | 10:38
Os eleitores tem o conceito, equivocado, de que votar em branco ou nula influencia no resultado da eleição, ledo engano, no sistema eleitoral brasileiro, só são considerados votos em candidatos (sem considerar, voto em branco ou nulo).

De um total de mais de 180.000 eleitores, Nardielo obteve menos de 20% dos votos, assumirá o governo representando menos de 2 eleitores, em cada grupo de 10.

Professor Claudio Lopes

04 de Junho, 2018 | 01:09
A eleição de Nardyello em Ipatinga não pode ser creditada ao simples apoio da família Quintão. O prefeito interino e candidato eleito Nardyello ao longo de seus mandatos como vereador e presidente do legislativo local se destacou por uma gestão focada em resultados o que pode justificar a sua escolha pelo eleitorado ipatinguense. Assim, é um evento que se desvia da curva de rejeição de sua legenda pelo eleitorado municipal e nacional. Alguns aspectos deste pleito extemporâneo podem sim contribuir para uma leitura do cenário que nos espera em 2018, a ascensão do partido mais conservador, PSC, capitaneada pelo discurso mais de direita do candidato Wanderson Gandra que do anonimato quase desbancou um dos favoritos à eleição, o candidato mais à esquerda, Daniel Cristiano do PCB. Importa destacar a presença no pleito de três candidatos representativos da esquerda nacional, Lene Teixeira(PT), em último lugar, Sávio Tarso(PDT), em penúltimo lugar e Daniel Cristiano(PCB, PSOL), em segundo lugar. Nestes termos, se inferi que a preocupação das correntes tradicionais da esquerda brasileira em marcar território no importante pleito ipatinguense com a indicação de chapas majoritárias como forma de antecipar a disputa eleitoral geral de 2018, facilitou a eleição do MDB e escancarou a desunião destas legendas. Que venha outubro, com Daniel Cristiano, Lene Teixeira, Gandra e Sávio, candidatos novamente, agora como deputados. É isso, vai-se um pleito, inicia-se outro!

José Antônio

03 de Junho, 2018 | 21:17
E o povo Ipatinguense deu o exemplo para o povo Brasileiro, colocando a candidata petista em último lugar, com pouco mais que a metade dos votos do 4º colocado. Quem sabe os eleitores Brasileiros sigam o exemplo ipatinguense, e na eleição presidencial próximo eliminem de vez o PT do comando da nação, muito sofrida nos últimos 14 anos.

Vanderson Lage de Sa

03 de Junho, 2018 | 20:04
A maior demonstração que a população está insatisfeita com a política Nacional são os números desta eleição: 54,10 %
Abstenção: 31,71 %
Nulos : 17.33 %
Brancos : 5.06 %
Ou seja 56.489 votos de pessoas que demonstraram a insatisfação.

Jose

03 de Junho, 2018 | 19:50
A MELHOR COISA QUE ACONTECEU NESTA APURAÇÃO FOI VER O PT FICAR EM ULTIMO LUGAR, ADEUS PT AQUI EM IPATINGA, (PT) NUNCA MAIS, VIVA O VOTO, VIVA O ELEITOR .

Ipatinga

03 de Junho, 2018 | 19:49
Ipatinga mostrou nas urnas a insatisfação. Veja esses números:
Urnas apuradas em Ipatinga.
1° colocado: Abstenção 57.152
2° colocado: Nardyello 34.697
3° colocado: Brancos e nulos 27.560
Abstenção em peso e ainda quase perde pra brancos e nulos. Políticos, aos poucos vcs estão sendo desmascarados, todos, sem diferenciar por partidos.

Osasco Nascimento

03 de Junho, 2018 | 19:33
Nana passando a chave da cidade pro nana...segura o pé petezada..nana no comando...Vai Vai engolir o nana

Geraldo

03 de Junho, 2018 | 19:26
Parabens a todos os canditatos e que nossa cidade siga a frente mais tranquila.......

Wilson Neto

03 de Junho, 2018 | 19:25
O Brasil e o povo tem o governo que merece, só não vale reclamar a partir de hoje dos buracos nas ruas, das filas sem fim na upa, afinal o que esperar de um país que esta afoito para eleger um presidiário....
Vocês elegeram um novo Quintão, parabens ipatinga!

Dalmon

03 de Junho, 2018 | 19:24
Vitória merecida e conquistada com trabalho sério e ético.
Agora é hora dos demais candidatos somarem com o Prefeito eleito para que a nossa Ipatinga seja de novo uma Cidade próspera para todos.
As paixões devem ser deixadas de lado e o compromisso, a ética e o trabalho devem ser a direção que todos os eleitores e cidadãos esperam.

Euclides

03 de Junho, 2018 | 18:55
Deixando todas as paixões de lado e focando na Cidade de Ipatinga, penso que o resultado, já esperado, foi o de melhor acontecido neste ano. Agora é unir as forças para que a nossa Ipatinga volte a crescer, gerando emprego e renda para todos.

Ferreira

03 de Junho, 2018 | 18:40
O povo merece mesmo o governo que tem!!
Envie o seu Comentário