05/05/2018 08:16:00

Menino de três anos morre atropelado no Iguaçu

Criança saiu correndo para a rua, quando sua irmã de 19 anos tentava segurá-lo e ambos foram atingidos por um carro



Enviada para o WhatsApp Diário do Aço


As equipes do Samu tentaram salvar a vida da criança, mas sem sucesso

Um segundo de descuido foi fatal para o menino Samuel Batista de Souza, de apenas três anos de idade. Ele saiu correndo de uma calçada e foi atingido por um carro que passava pela rua Quartzo, no bairro Iguaçu, em Ipatinga. A criança não resistiu e morreu antes de ser removida para um hospital. A irmã dele, Izabela Batista de Souza, de 19 anos, também foi atingida ao tentar salvar o irmão na noite desta sexta-feira (5).

O atropelamento aconteceu por volta das 21h40. Várias pessoas saíram de uma igreja evangélica, após um culto religioso, e algumas delas ficaram conversando na calçada, como apurou o Diário do Aço. Os pais das vítimas estavam entre elas e o menino estava no colo de um amigo deles.

Assim que esta pessoa colocou Samuel no chão, a irmã foi pegá-lo, mas o garoto saiu correndo para a rua. Ele tentou atravessar a via no momento que passava o Ford Fiesta sedan, placas ORC-7018, dirigido por Domingos Afonso da Silva, de 64 anos. O motorista alega que não teve como evitar o impacto contra os irmãos.

Domingos parou o carro imediatamente e acionou o resgate. Duas equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram até o local do atropelamento para realizar o socorro.

Apesar de todo o trabalho dos profissionais, que não mediram esforços para salvar a vida do menino, ele não resistiu e morreu. Ele morava no bairro Iguaçu. A irmã dele sofreu ferimentos leves, com escoriações no pé e cotovelo, ambos no lado esquerdo. Ela foi encaminhada ao Hospital Márcio Cunha para ser medicada.

A perícia da Polícia Civil e realizou os trabalhos de praxe, liberando a retirada do automóvel do local do atropelamento. As testemunhas arroladas pela PM na ocorrência apontaram que o motorista não teve como evitar o acidente. Mesmo assim, como é norma, Domingos foi conduzido para prestar esclarecimentos no plantão da 1ª Delegacia Regional de Ipatinga.

MAIS FOTOS
Encontrou um erro? Comunique: falecomoeditor@diariodoaco.com.br


Aviso - Os comentários não representam a opinião do Portal Diário do Aço e são de responsabilidade de seus autores. Não serão aprovados comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes. O Diário do Aço modera todas as mensagens e resguarda o direito de reprovar textos ofensivos que não respeitem os critérios estabelecidos.
Comentários

Marcelo

14 de Maio, 2018 | 20:43
Boa noite povo abençoado eu congrego nessa igreja, vamos tomar cuidado com o que falamos pois na bíblia está escrito ai daqueles que tocar nos ungidos de Deus, vamos respeitar a dor dos familiares é soltar palavras de conforto para essa família que o profeta Samuel descanse em paz.

Simone Freitas Mendes Rocha

07 de Maio, 2018 | 13:52
Só Deus pra ter misericórdia dessas pessoas que se dizem crentes e julga o seus próprios irmão! Onde fica a comunhão? Nos cultos temos que ter referência ao nosso grande e eterno DEUS! E nossa comunhão com os irmãos normalmente acontecem nos finais dos cultos, onde cumprimentamos melhor... Somente DEUS pode julgar! A vida pertence a ELE e isso creio que a quadrangular também prega. Só Ele sabe o momento se nos chamar, sejamos nós criança, jovem, adultos, velhos, rico, pobre, branco, negro, doente ou não. Se Ele permitiu esse acidente onde apenas o pequeno Samuel foi a óbito é porque chegou a hora dele. Que DEUS conforte o coração dos familiares e principalmente dessa mamãe que sofre a dor de ter entregado seu filhinho ao Senhor (entregado sim, nunca perder), eu sei a dor que ela está sentindo pois eu também entreguei uma. Deus em sua infinita bondade, não pelo nosso merecimento, mais por misericórdia passa o balsamo no coração dessa mãe e tira toda tristeza, toda dor e renova suas forças a cada dia, dando entendimento e sabedoria para lidar com as acusações dessa ração insensível. Deus abrace tua filha e a conforte em nome de Jesus eu te peço, Amém!

Ariny

06 de Maio, 2018 | 17:44
Eu acho que nesse momento de dor que isso pode acontecer em qualquer família que nós vamos possa acontecer qualquer coisa com a gente que tem que sabe da nossa vida é o Senhor Jesus nós vamos não devemos falar palavras tolas porque as palavras não voltam atrás então devemos cuidar muito bem cautelosamente para não sair coisas ruim da nossa boca porque quem devemos julgar é só Deus nós somos filhos de Deus nós temos que falar coisa para edificar não para destruir a vida do outro quem é juiz é só Deus ele que sabe de todas as coisas

Helena Alves Nogueira

05 de Maio, 2018 | 23:00
que o senhor dê força à família e também ao motorista o qual não deve se sentir culpado. pois pelo que consta foi a criança que passou à frente.momento dificílimo !

Frf

05 de Maio, 2018 | 21:53
Eu fico pensando comigo , uma pessoa que se diz evangelica com o tal do quadrangular , ao inves de confortar a familia na mensagem por esse momento dificil que estão passando ,ele vem criticar e falar que ficam fofocando, onde esta o primeiro Amor , não é isso que o Pai nos ensinou , tem local e horario para fazer estas observações , são na reunião do corpo de cristo , esse sujeito na verdade é um lobo na pele de cordeiro .

Marilene

05 de Maio, 2018 | 20:55
Poxa!

Quem pode julgar que é fofoca ?

Que comentário maldoso e infeliz num momento de grande dor.

Desde ontem, quando soube, venho orando por essa família.

Que o Espírito Santo Consolador cuide dos enlutados.

Renan

05 de Maio, 2018 | 19:26
A comunhão entre os irmãos é uma das maiores virtudes do cristão e qualquer ser que respira. O problema é querer espiritualizar tudo e querer ver problema onde não existe. Esta fatalidade pode acontecer em qualquer lugar e infelizmente aconteceu com uma criança indefesa com excesso de confiança por parte dos pais. Que Deus conforte a família !!!

Diego

05 de Maio, 2018 | 18:46
Senhores motorista nao estava no local. Mas so para alertar a todos motoristas ao passar onde estiver multidões pessoas aglomerados. Reduz a 10 km tenho certeza mesno vc estando correto ninguem morrerá errado pense nisso se hores motorista

Igp

05 de Maio, 2018 | 13:27
Nesse momento de dor, que Deus conforte os corações de todos os familiares...

Quadrangular

05 de Maio, 2018 | 13:17
Estava demorando essa infelicidade ocorrer, sou evangélico, após o culto em todas igrejas evangélicas, vários irmãos fica na porta da igreja, na Rua, eu nao entendo o porque disso, faça como eu, acabou o culto? Vá embora, nao fique em porta de igreja fofocando, atrapalhando o trânsito, nós evangélicos temos este mal, parece ate que esta testando a fé apos o culto, infelizmente a fatalidade ocorreu, quem sabe agora nós aprendemos.

Sabrina

05 de Maio, 2018 | 09:28
Que Deus conforte o coração da mãe dessa criança, e de todos os familiares, nossa que triste a gente começar a manhã com uma notícia dessas .
Envie o seu Comentário